Falácia

Cerca de 92 frases e pensamentos: Falácia

AMOR!

Não é falácia nem falatório..
Não é rir nem gracejar..
São complexas ideias, pontas de lança, apontadas, certeiras, muitas ja trespassadas.
Magoam, contristam, mas é o que me segura de pé.
Quero persistir de pé, erguido, com este intuito final.
Nada me vai Sustar, nada me vai deter.
Sou inditoso, sou afortunado, nao é contraditório, é fiel.
Eu digo,
mas do mal o mais.

Sou.
Continuo.
E sangro o nosso sangue.

Que muito sangue se verte,
Que muito tempo sustenha,
Que pouco espaço nos separe,
Há pouco... há muito.
Sinto que há muito pra sentir.

Não sou digno nem dono do julgar.
Dê o que demorar, estarei aqui de teu lado.

Amor ou amigo, só serei teu.
Jamais viverei sem te ter.
Jamais...
Sem ti não sou ninguem.
Jamais existirei.

Swiftwind
18 compartilhamentos

Falar é completamente fácil, quando se tem palavras em mente que expressem sua opinião.
Difícil é expressar por gestos e atitudes o que realmente queremos dizer, o quanto queremos dizer, antes que a pessoa se vá.

Desconhecido
2.8 mil compartilhamentos

vai ver se eu to na esquina. a você não vai entende nunca vai me entender você não sabe o que passa na minha mente e por isso que gosto de você

falacia

Eu errei ao pensar que daria certo mesmo sem ter tentado

falacia
Inserida por cid_junior

eu sou falacioso muito estranho me acho o cara mesmo sabendo que não sou

falacia
Inserida por cid_junior

Enquanto as mariposas contentam-se com a falácia das lâmpadas, as borboletas procuram o perfume das flores!

Odair Flores
15 compartilhamentos

Se começássemos a dizer claramente que a democracia é uma piada, um engano, uma fachada, uma falácia e uma mentira, talvez pudéssemos nos entender melhor.

José Saramago
27 compartilhamentos

Muita falácia pouca eficácia, muito julgamento pouca compreensão, muita igreja pouco Cristianismo.

Kléber Novartes
53 compartilhamentos

Há muita diferença entre moral e moralismo. O último não passa de falácia hipócrita, mas o primeiro é um pilar preponderante na estrutura social!

Reinaldo Ribeiro - O Poeta do Amor

Certas palavras tem o significado errado. Falácia, por exemplo, devia ser o nome de alguma coisa vagamente vegetal. As pessoas deveriam criar falácias com todas as suas variedades. A Falácia Amazônica. A misteriosa Falácia Negra.
Hermeneuta deveria ser o membro de uma seita de andarilhos herméticos. Onde eles chegassem, tudo se complicaria.
- Os hermeneutas estão chegando!
- Ih, agora que ninguém vai entender mais nada…
Os hermeneutas ocupariam a cidade e paralisariam todas as atividades produtivas com seus enigmas e frases ambíguas. Ao se retirarem deixariam a população prostrada pela confusão. Levaria semanas até que as coisas recuperassem o seu sentido óbvio. Antes disso, tudo pareceria ter um sentido oculto.
- Alo…
- O que é que você quer dizer com isso?
Traquinagem deveria ser uma peça mecânica.
- Vamos ter que trocar a traquinagem. E o vetor está gasto.
Plúmbeo deveria ser barulho que um corpo faz ao cair na água.
Mas, nenhuma palavra me fascinava tanto quanto defenestração.
A princípio foi o fascínio da ignorância. Eu não sabia o seu significado, nunca me lembrava de procurar no dicionário e imaginava coisas. Defenestrar deveria ser um ato exótico praticado por poucas pessoas. Tinha até um certo tom lúbrico. Galanteadores de calçada deveriam sussurrar ao ouvido de mulheres:
- Defenestras?
A resposta seria um tapa na cara. Mas, algumas… Ah, algumas defenestravam.
Também podia ser algo contra pragas e insetos. As pessoas talvez mandassem defenestrar a casa. Haveria, assim, defenestradores profissionais.
Ou quem sabe seria uma daquelas misteriosas palavras que encerram os documentos formais? “Nesses termos , pede defenestração..” Era uma palavra cheia de implicações. Devo até tê-la usado uma ou outra vez, como em?
-Aquele é um defenestrado.
Dando a entender que era uma pessoa, assim, como dizer? Defenestrada. Mesmo errada era a palavra exata.
Um dia, finalmente, procurei no dicionário. E aí está o Aurelião que não me deixa mentir. “Defenestração” vem do francês “Defenestration”. Substantivo feminino. Ato de atirar alguém ou algo pela janela.
Ato de atirar alguém ou algo pela janela!
Acabou a minha ignorância, mas não minha fascinação. Um ato como esse só tem nome próprio e lugar nos dicionários por alguma razão muito forte. Afinal, não existe, que eu saiba, nenhuma palavra para o ato de atirar alguém ou algo pela porta, ou escada a baixo. Por que então, defenestração?
Talvez fosse um hábito francês que caiu em desuso. Como o rapé. Um vício como o tabagismo ou as drogas, suprimido a tempo.
- Lês defenestrations. Devem ser proibidas.
- Sim, monsieur le Ministre.
- São um escândalo nacional. Ainda mais agora, com os novos prédios.
- Sim, monsieur lê Mnistre.
-Com prédios de três, quatro andares, ainda era possível. Até divertido. Mas, daí para cima vira crime. Todas as janelas do quarto andar para cima devem ter um cartaz: “Interdit de defenestrer”. Os transgressores serão multados. Os reincidentes serão presos.
Na Bastilha, o Marquês de Sade deve ter convivido com notórios defenestreurs. E a compulsão, mesmo suprimida, talvez ainda persista no homem, como persiste na sua linguagem. O mundo pode estar cheio de defenestradores latentes.
- É essa estranha vontade de jogar alguém ou algo pela janela, doutor…
- Humm, O Impulsus defenestrex de que nos fala Freud. Algo a ver com a mãe. Nada com o que se preocupar – diz o analista, afastando se da janela.
Quem entre nós nunca sentiu a compulsão de atirar alguém ou algo pela janela? A basculante foi inventada para desencorajar a defenestração. Toda a arquitetura moderna, com suas paredes externas de vidro reforçado e sem aberturas, pode ser uma reação inconsciente a esta volúpia humana, nunca totalmente dominada.
Na lua-de-mel, numa suíte matrimonial no 17º andar.
-Querida…
- Mmmm?
-Há uma coisa que preciso lhe dizer…
-Fala amor.
-Sou um defenestrador.
E a noiva, na inocência, caminha para a cama:
- Estou pronta pra experimentar tudo com você. Tudo!
Uma multidão cerca o homem que acaba de cair na calçada. Entre gemidos, ele aponta para cima e balbucia:
- Fui defenestrado…
Alguém comenta:
- Coitado. E depois ainda atiraram ele pela janela.
Agora mesmo me deu uma estranha compulsão de arrancar o papel da máquina, amassa-lo e defenestrar essa crônica. Se ela sair é porque resisti.

Luis Fernando Verissimo
2 compartilhamentos

Talvez

Talvez apenas falácia possa expressar o que sinto.
Talvez apenas meu cérebro consiga entender o que se passa em meu coração.
Talvez eu veja a pessoa amada e sinta vontade de beijá-la.
Talvez ao invés de amar, eu possa odiar.
Talvez eu queira tantas coisa e no fim não adquirir simplesmente nada.
Talvez eu mude até para melhor, mas ninguém reconhece por simples atitudes anteriores.
Talvez eu nunca queira abdicar das coisas e pessoas que tanto amo, mas o mundo por si próprio cruelmente os arranca de mim.
Talvez ao invés de apreciar-me ao me olhar no espelho, prefira espelhar-me em minha alma.
Posso pensar que dinheiro é a verdadeira felicidade, mas no fim perceber que é um simples pedaço de papel que compra tudo que eu quiser menos a verdadeira felicidade.
Mas com certeza sem DEUS eu não posso viver.
Meu bem maior, eu te amo Senhor Jesus.

Tamara Sales

Esta história de que “A PRIMEIRA IMPRESSÃO É A QUE FICA”, não passa de falácia, de uma grande jogada de marketing.

A realidade é que “A PRIMEIRA IMPRESSÃO POSSIBILITA”, seja um emprego, uma entrevista, um encontro, uma oportunidade, a venda de produtos e serviços, uma amizade, uma paixão, um amor, etc. Assim sendo, a primeira impressão é importante, mas, de fato, a impressão que fica É A ÚLTIMA!

Todos nós já encontramos e ainda vamos encontrar pessoas maravilhosas que nos encantam no primeiro momento, podendo assim surgir uma grande amizade, uma paixão ou até um amor. A vida é assim.

Acontece, porém que muitas vezes a pessoa maravilhosa que nos encantou, ao longo da convivência nos proporciona decepções, humilhações e todo tipo de falsidades e maldades, revelando assim o seu verdadeiro caráter. É esta IMPRESSÃO QUE FICA!

O inverso também é verdadeiro, ou seja, em algum momento você "não foi com a cara" de uma pessoa quando a conheceu, mas depois, com a convivência, descobriu tratar-se de uma pessoa boa, que não era nada daquilo que parecia ser e hoje, quem sabe, são até amigos!

Eu por exemplo, tive amigos que devido ás últimas atitudes praticadas revelaram-se pessoas falsas, de mau-caráter, pessoas do mal. Posso até estar enganado, mas “A ÚLTIMA IMPRESSÃO É A QUE FICA”. Infelizmente foi esta impressão que ficou, é este conceito que tenho dessas pessoas. Lamentável!

Lembre-se sempre, "A Vida Anda"

Izzo Rocha
1 compartilhamento

Sobre o comportamento humano:

Não é por falácia que nossa sociedade privilegia o animal, mas sim por indulgências...

Douglas Garcia Saldanha

"Predestinação? Que falácia teológica ou filosófica! Se, antes de nascer, é retirado todo poder de escolha e aprendizagem variada, que inútil é esta vida, que deus faria tal coisa? Nossa História é construída por nós em constantes interações sociais, biológicas, culturais... Vivemos, escolhemos, participamos, erramos, acertamos, aprendemos, morremos!"
"Livre arbítrio? Que falácia teológica ou filosófica! Escolhemos onde e quando nascemos, que cultura teremos, quem haverá de ser nossos pais? Se esses elementos constitutivos da existência não escolhemos, não há um livre escolher absoluto!"

Oseias Faustino Valentim

Com você, abandono a falácia do 'amor romântico' comercializado na sociedade midiática monetarista e mergulho no amor selvagem, visceral e incondicional, amor entre macho e fêmea. O amor cósmico

Nieva Rosle

Dizem que duas cabeças pensam melhor do que uma. Taí uma falácia impossível de engolir.

Roberto Axe
Inserida por RobertoAxe

"A afirmação de não existência da Ética a não ser coexistindo ela com a Religião é uma falácia!"

Oseias Faustino Valentim
Inserida por protestapoeta

"A falácia nos causa uma dor,por terem a mente cheia de etimologia,e o coração vazio de amor. "

Alessandro de Oliveira Feitosa
Inserida por AlessandroOLIVEI

A doutrina do livre-arbítrio cristão é uma falácia, pois segundo o livro Apocalipse os que possuem o nome escrito no livro da vida é que serão salvos, em detrimento de milhões condenados ao lago de fogo e enxofre.

Mário Pereira Gomes
Inserida por Mario11

Laicidade é uma falácia criada pela esquerda para impedir você, religioso, de exercer a sua ideologia.

Marcelo Figueiredo
Inserida por marcelofigueiredo