Coleção pessoal de telmocordeiro1

1 - 20 do total de 92 pensamentos na coleção de telmocordeiro1

Não Esqueça

Não esqueça
Tu podes ser o mundo
Mas o teu sorriso é maior
Uma história complicada
O milagre será o reencontro
Que o Pai esteja sempre em nossas vidas
Te amarei para sempre
Não arrisque, deixe os sentimentos fluírem
Essa música eu escrevi, siga o ritmo
Moça linda
Acolherá quem clamar por ajuda
Sem razão nenhuma, siga o ritmo
Vejo a brilho em teus olhos escuros
Achei em você o fogo
E o calor é combustão
Em versos desrimados, nós rimamos os nossos sonhos dourados
Minha arrogância fere a minha humildade
Moça me esqueça,
apenas não esqueça
Tu podes ser o mundo
Mas teu sorriso é maior
Seja de quem quiser
Não aponte meus defeitos

Telmo Cordeiro

Desenlace

Seremos nós o amor ?
Nossos passos são silenciosos
eu escrevo e canto as minhas confusas canções
impulsiva entregas-te,
te sinto indefesa em meus braços
Sonhas com a utópia que os meus olhos nunca viram
Sujas os teus pés para provares o teu amor
mas eu sinto o gosto de outra quando o vento bate
A magia foi-se, os problemas excederam
Todo mundo precisa de algo mais deste mundo
Não posso ser eu o amor
me desculpe, mas eu desisto de nós
eu seria qualquer coisa entre nós, menos o amor
Está morrendo, não sinto absolutamente nada
Ao sair da água, ganhamos a sede
Então, eu me sento e aprecio o mar
Talvez eu nunca tenha chegado a te amar
O homem da tua vida ?!
Este não sou eu
Eu sou o que queres,
mas não sou o que precisas
Meus passos nem se escutam
Caminho no escuro buscando a luz
Os teus olhos brilham
Mas não é este brilho que eu persigo
O risco foge e eu o sigo enfeitiçado
Brilho da minha vida ?!
Esta não és tu
Tu não és o que quero
nem o que preciso
impulsiva entregas-te,
te sinto indefesa em meus braços
Sonhas com a utópia que os meus olhos nunca viram
Sujas os teus pés para provares o teu amor
mas eu sinto o gosto de outra quando o vento bate

Telmo Cordeiro
Tags: #desalance

Quietude

Procuro apenas a quietude,
a transformação do meu ser;
Serei para sempre este ser ?
Ser ignorante
às vezes perco as minhas palavras
e perco todos os debates,
os homens me dizem para deixar de
ser inútil, mas eu não respondo
apenas sigo para o desconhecido,
com algum rancor e mágua no meu coração
Sim sou inútil, não sei agradar aos outros
A felicidade é inútil, ser feliz é inútil,
aprecio a inútilidade
Sejam utéis entre vós, vivam para agradar-se,
vivam em favor uns dos outros,
que eu continuarei aqui sozinho apreciando
qualquer coisa, lutando contra certos pensamentos errados;
em silêncio, procuro apenas a quietude

Telmo Cordeiro

Prosa Alquímica


O sol põe-se, eu me sento em meditação, procurando a terceira
visão
Um homem, uma face, um nariz, uma boca, três olhos, guri aprendiz,
guri inútil

Longe da aldeia, eu me sento em meditação, sinto o meu corpo
pelas matas, meus pés ajuntados "caminham pelas pedras do remoto
riacho" onde as sereias envocam o meu nome

Nada é o tudo que tenho
Se nada tenho, então nada tenho a perder, pois, já perdi tudo

Em meditação, travo batalhas contra as minhas máculas,
tentando transformar as pedras em ouro

Em meditação, eu abduzo-me mais da sociedade

Telmo Cordeiro

Amor puro

Teu cheiro é melodia
E na senda eu sigo a ària
Predisposto a perder alguns alardes
E ser feliz
Felicidade !
Apenas seja feliz !

O amor é uma ilusão
O amor distabiliza

O dinheiro é uma ilusão
Distabiliza a humanidade

Quando fores à janela, lembra-te do "mito da caverna", e sai dessa matrix.

Telmo Cordeiro

Poema alquimista



Não tente contar as estrelas
O céu é desconhecido
Desconhecido é o destino
Quem poderá transformar as pedras em ouro ?
Escreva poemas, faça arte
Jogue flores ao mar e siga...
Apenas siga a sua senda
A sedição é interna, despadronize o seu coração
Setentrional ou austral
Ocidental ou oriental
Apenas siga os batimentos de seu coração
Não permita que eles sejam sobrestados
Seja incrédulo, pois, os lobos hão-de vir em pele de cordeiro
Apenas decida, mas pós-ponderação, pós-meditação
Ame muito, faça leituras selecionadas
Desacorrente-se desse senso comum
Seja louco, defenda as suas convicções
Ignore terceiros e acredite...
Acredite muito em seus desvarios

Telmo Cordeiro

Apenas sorria

O amor é corrosivo
O sentimentos podem ferir
Somente um amor atemporal pode curar
O amor é esse
Que nos sabe a oásis
A minha calma reside em teus braços
Por meio desses escritas apenas sinta a Poesia
Abra janela e sorria
Me tenha em suas simplórias cogitações
Ouça The Lumineers
Medite, contemple
Mantenho a porta encostada
Não tente me entender, apenas entre
Apenas abra as cortinas e debruce da brisa
Respiro por meio desses acordes
Transparência para que haja nitidez
Lealdade para que haja compreensão
O agora é para que seja aproveitado, o amanhã é incerto,
o ontem já é sábido
Apenas sorria e me beije

Telmo Cordeiro

Caminho

Não se atarante com o meio
Ouça David Zé
Aproveite a brisa
Viva em paz e aproveite cada momento
Trabalhe, elimine a preguiça
Selecione o que hás-de ler e não te padronizes

Os rostos sorridentes iluminam as medusas
Como apenas dançar e passear feliz
Quando a tristeza passada é bem presente e cicatriza

Esqueça completamente
Apenas aproveite a brisa,
debruce do pôr-do-sol
Aproveite do brinde,
beba com saitisfação
Dê beijos de muito amor
Expire e inspire
Ame muito, pois o amor é o caminho

Telmo Cordeiro

Todo mundo é muito forte a fazer algo que lhe identifica e é essa força que motiva a malta todos os dias melhorar as habilidades e técnicas para que hoje possamos ser melhores do que aquilo que fomos ontem

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento

Ao acordar
Apenas agradeça por este talento
Dê beijos de amor à quem lhe ama
Preocupe-se apenas com o clima
Abra as cortinas, permita a ventania
Apenas aproveite a brisa
Sem atormentos, encontre a sua calma
Da suavidade do vento à descoberta da paz
Aproveite a brisa, apenas aproveite o momento
Esqueça os avezares que lhe atarantam
Explore a paisagem, abdique de todas as suas convicções
Seja inútil, apenas dê valor a si mesmo, não tente agradar aos outros
Realize o artificial
Cuide do natural
Ao acordar
Apenas agradeça por este talento
Abra as cortinas, permita a ventania
Apenas aproveite a brisa, apenas aproveite o momento

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento

Poema Atemporal



O nosso poema, produzido pelos nossos impulsos...

Coragem para que possíveis amores não se percam
O silêncio paira em nossa calma
Magia são meus lábios nos teus
Nossos olhares são químicos
Deixe viver, apenas venha na sinceridade
Sinceridade para que os segredos sejam revelados
Aproveite a brisa, apenas tenha paciência
Sabali para que os equívocos sejam suportados
O amor é fantasia e nós estamos enfeitiçados
Vocábulos encantados são composições de serenatas
Sentimento atemporal, coração quase que explode

O nosso poema, produzido pelos nossos sentimentos...

Telmo Cordeiro

ÂMAGO

Jojó puto de 14 anos que ao invés de uma esferográfica tem uma
catana em suas mãos e seus pés descalços nessas matas que amedrontam a elite
despreparada

A minha alma ficou na aldeia

O que é que assegura as nuvens lá em cima ?
Neve e nuvens assemelham-se
Energias transcendendo as forças terrenas
Homens escravizados, correntes nos pulsos dos escravos, ouro do colono

Eu voltei para a cidade

Pelo prazer o homem inala o pó e ao pó há-de voltar
Pegadas humanas marcadas na mata, não na lua
Corpos banhados e purificados no riacho de pedras
O balde de açúcar dado pela sereia à mulher dos panos amarelos
Mi-Sosos deixadas pelos ancestrais

A minha alma ficou na aldeia

Deduzi que o nosso espírito transforma-se em estrela no "pós-vida",
quando tudo se finda... quando é que tudo se finda ?
Mas, o que é o espírito ? e a alma, o que é ?

Eu voltei para a cidade

A vida é tão curta, procuro apenas a simplicidade
Conversando com o meu coração ele revelou-me que tu és a mulher certa
Se não forem biblícas podem ser pseudo-revelações
Inimigos exteriores são contos de fadas
A verdadeira batalha é a luta contra os nossos defeitos

A minha alma ficou na aldeia

Vazio é o prato, estafado é o corpo,
condenado é o homem que nasce na aldeia
Aldeia desiluminada, água das pedras infetadas
pelo vírus da desumanidade
Desumano sou eu que voltei para cidade, como se nada
eu tivesse visto

A minha alma ficou na aldeia

Jojó puto de 14 anos ainda sem comida no prato,
uma escola digna, nada de melhor para a família
água potável e sem energia
Apenas reza pela comida no prato e o ar fresco

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento
Tags: #aminhalmaficounaldeia

A Caverna é Madiwanu
Ela
a alma desalmada vagueá indestinada,
que energias anónimas seguem-na ?
Sorrisos à beira do mar, rimas descobertas na areia
Pensamentos levitam, as sombras condenam,
os objectos enganam
Se fores para fora, não voltes para relatar aos outros.
a caverna é madiwanu
as mentes estão fechadas
mãos e pernas acorrentadas
a caverna é madiwanu
os firmamentos estão abertos
os corações estão abertos


Ele
queria o mundo apenas para si,
aspirava um astro para si
A praia velha recebia novos inquilinos
A sorte era fortuita
a saída da caverna estava aberta,
mas calma aí ...
usa estes óculos para te protegeres do sol, tuas vistas são imaculadas
a caverna é madiwanu
as mentes estão fechadas
mãos e pernas acorrentadas
a caverna é madiwanu
os firmamentos estão abertos
os corações estão abertos

Eles
hão de matar-te se transmitires as descobertas,
o silêncio é a arma da sabedoria
Homens insignificantes, manipulados por forças poderosas
ao pó voltarão
com um sopro hão de desvanecer
entretanto,
correm mesmo tendo as suas pernas mutiladas
a caverna é madiwanu
as mentes estão fechadas
mãos e pernas acorrentadas
a caverna é madiwanu
os firmamentos estão abertos
os corações estão abertos

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento

_1º Bilhete

Perdão meu irmão
Nada disso eu pretendi
A sedição é real
Perdão meu irmão
Pela alma que de ti furtei
Perdão meu irmão
Pelo corpo que de ti furtei
Escrevo para ti palavras sinceras
Tentando nelas transmitir o sentimento que me leva a escrever para ti
Hei de algum dia ser perdoado por tudo que errei
Raridade é a vida, vida em penitência
Apetecido é o fruto proibido
Lembrar-me-ei eternamente dos teus olhos de menininho, teu sorriso
natural, da companheira bola que entusiasmava teu coração e da voz
imaculada
Nunca tivera sido minha intenção saquear tua identidade
Simplório forasteiro
Meu endereço sabeis de cor
Este corpo que moro conheceis de cor
Esta alma que moro conheceis de cor
Nos últimos meses ele tem adoencido bastante
Mosquitos e paludismo, a combinação para a morte perfeita
Imploro que venha até ao 152, por favor, para que eu me possa
desculpar e mesmo que não me perdoe este corpo e esta alma
lhe entregar...

Telmo Cordeiro

Última Poesia

Cumpridas devem ser as promessas
O que foi que nos prometemos ?
Nunca prometi nada que eu não te pudesse dar
Se eu soubesse...
Se tu soubesses sentir o aroma das flores murchas
A nossa história não mudou
A sereia é muda, a andorinha nem pode voar
O tempo é a tesoura que passou bem no meio do nosso
laço, sem beijos, apenas um abraço, apenas um beijo
Se tu soubesses...
Se eu soubesse plantar a eterna flor do verdadeiro sentimento
A nossa história mudou
Iguais ingênuos olhares sobre a pedra, visões diferentes sem previsões
Beijo na testa, nenhum de nós voltará a dizer amor
O que nos resta é a retirada com a tremenda dor
Quando a trovoada é forte a terra sente
Quando a chuva é forte a terra ressente
Quando o vento é forte a terra sente
O homem volta ao pó e a terra agradece
Vou-me embora, minha vida está a findar-se
Escrevo para ti as minhas simplórias e últimas palavras
A carta que te prometi
Que a tesoura te traga um homem bom e melhor do que eu, o homem do teu
presente passado
Não esquecerei de ti, mas também não hei de lembrar
Quando até a ti chegar estas escritas, já não estarei por aqui
Lembra-te de que nem a distância eu irei sentir, as saudades não
me afetarão
Esquece tudo...
Esquece de mim
Mas lembra-te de guardar este bocado de papel na caixa de madeira,
com as nossas lembranças, e depois atirá-la ao mar...
Abraça o desapego, troca as lágrimas pelo teu sorriso que me encantou
Quando até a ti chegar estas escritas, já não estarei por aqui
Esta é a minha última poesia...

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento

Deus é a prova de que a pressa é inimiga da perfeição;

Telmo Cordeiro

Cinzas

Amigos até depois de se findar a vida ?
Amigos...

Quem nos impõe as regras nos ama ?!
Nós somos apenas cinzas;
Os batimentos cardíacos são sobrestados;
Os movimentos corporais são anulados;
A fala se evapora;
A audição é oclusa;
A visão é tapada;
Nós paramos e o mundo continua;
As ondas continuam vivas no Mar;
Os raios continuam veementes no Sol;
As estrelas continuam a cooperar com a lua no Céu;
As aves continuam a voar em bando, às 17h nos céus da Rainha;
A nossa Ginga !
Os passos continuam silenciosos pela Rainha;
A nossa Ginga !
Sentimos a falta de quem já não está entre nós;
Amigos até depois de se findar a vida ?
Amigos...
Ao menos a nossa amizade durará para sempre...
Algum dia o mundo nos amou ?!
Pegamos a vida de empréstimo e pagamos caro por isso;
O que querem de nós ?
O nosso espírito ?
A nossa alma ?
O nosso corpo ?
Quem nos impõe as regras nos ama ?!
Nós somos apenas cinzas;
Os batimentos cardíacos são sobrestados;
Os movimentos corporais são anulados;
A fala se evapora;
A audição é oclusa;
A visão é tapada;
Desapareceste;
Por onde é que andarás ?
A alguem tentei contar a dor, mas ela é a areia na praia...
imensurável...
Amigos até depois de se findar a vida ?
Amigos...
Ao menos a nossa amizade durará para sempre...

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento

O encanto está no sigilo dos termos da nossa falácia



O encanto está no sigilo dos termos da nossa falácia
O risco que corriamos apagou-se, as nossas flores murcharam
O céu cinza tornou-se e o vento forte soprou;
A chama que aquecia os nossos corpos apagou-se também;
Prefiro encarar o destino;
Já nem lembro-me do teu sorrir;
Aviões são passáros sintéticos, metrópeles são aldeias que pereceram e
chamamos : evolução;
Quiça seja mesmo evolução, embora a
minha cognição seja completamente remota;

O encanto está no sigilo nos termos da nossa falácia;
Os aldeões tocaram o sino, já nem consigo ouvir-te;
É suposto passarmos um pano na surperfície empoeirada;
O que é a emancipação para um indivíduo que vive condenado ?!
O que é um "Pobre Desgraçado" que mantém a sua Phalassa
na Palavra Divina, aos olhos de um pastor que lucra com os milhares
de crentes que por ele são enganados ?!

O encanto está no sigilo dos termos da nossa falácia
A alforria da Religião é uma quimera, porque o estado só autoriza
igrejas que cooperem com o governo, será ?!
A ciência desbravou a terra, mas a Bíblia tornará a terra, imaculada;
A mulher chora às madrugadas, porque as suas crianças estão desnutridas,
e isso até me comove, mas a minha vida segue na mesma, mesmo após
ouvir os gritos de aflição vindos da Somália; vindos do povo da aldeia;

O encanto está no sigilo dos termos da nossa falácia
Nas teorias de Pitágoras os tais ditos "números perfeitos"
são imperfeitos, isso é paradoxal;
Pessoas adoecem e isso é uma característica da imperfeição humana;
O que existia entre nós os dois, durou pouco tempo e isso é uma
característica do tempo;
Nossas sendas diferem, eu venho da trilha que passa no meio da mata,
a mesma que me trouxe até aqui... ao destino;
Acutila, pois a verdade é dura, mas eu prefiro um copo cheio de verdade
ao invés de de um oceano de mentira;


O encanto está no sigilo dos termos da nossa falácia,
o silêncio é arte pura;

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento
Tags: #1sócaminho

«Meu continente, África»

Minha África é bela, minha África é feia, minha África é rica, minha África é pobre;

Eles dizem que é aqui onde tudo começou...
São pseudos, eles dizem : África o Berço da Humanidade; mas eles não amam essa clara evidência, de preferência que fossem eles o tal berço... mas, as pesquisas na área de genética, provam claramente que a origem do homem moderno é africana... contudo todos os humanos hoje, são de origem africana, não importa o grau...
Então porque é que eles não nos permitem evoluir, impossibilitando o nosso avanço ?!
Se a África evoluísse, tornar-se-ia autónoma, seja povo ou estado e daí eles, os Grandes Cães não teriam o controlo que têm sobre nós... simples assim...
Nós seriamos um bom adversário ?!
Eles melhor do que eu ou tu sabem bem a resposta; então, eles não pretendem que isso aconteça, eles não querem que isso aconteça; nunca pretenderam, nunca quiseram, nunca pretenderão, nunca quererão...
Diziam que amavam o Mandela, mas nunca o amaram; Só que Madiba foi um homem pujante, foi um "Iron Man" se me permitem usar o estrangeirismo...
Se formos atentos, os seus continentes estão repletos de preconceitos e divisões sociais - racismo, etnocentrismo, etc; eles resolvem os problemas baseando-se na força bruta, em kimbundo talvez ficasse somente por "ngunzo"; eles têm armas nucleares, bombas atómicas, bombas de hidrogénio; eles fizeram guerras entre si e nos envolveram nelas; eles fazem guerras e nos envolvem nelas...
E porquê ?!
Porque eles tinham controle sobre nós, e mantém-se esse mesmo controle sobre nós, eles mandam no nosso continente, eles pisam na cara do nosso continente;

Minha África é bela, minha África é feia, minha África é rica, minha África é pobre;

Eles nos fizeram de escravos, eles nos fazem de escravos, eles nos farão de escravos; eles nos desprezaram, eles nos desprezam, eles nos desprezarão;
Eles fingiram ser nossos amigos, mas eram judas...
Também diziam ser amigos de Muammar Kadhaffi, até que...eles fizeram com que ele parecesse o pior de todos os homens no nosso continente, eles alienaram o nosso continente, quando na verdade eles nos mentiam... Muammar foi um homem imperfeito, como eu ou tu... mas ele pegou naquele "não tão grande país" e melhorou a vida do seu povo, o seu povo o amava, digo isto de forma segura... Kadhaffi quis desprender-se deles, ele quis criar uma autonomia africana, que permitiria que o nosso continente evoluísse... e eles ?!
Os Grandes Cães nunca iriam permitir isso... eles até financiaram terroristas, eles criaram uma série de notícias falsas, eles criaram uma personagem fictícia de Kadhaffi, eles nos alienaram e resolveram o que para eles era um problema na base do ngunzo; e eles claro derrubaram-no...

Minha África é bela, minha África é feia, minha África é rica, minha África é pobre;

Devemos criar uma coesão dentro do nosso continente, tentar ajudar o nosso continente...
E a gente só ajuda quando muda a nossa maneira de pensar, a nossa maneira agir...
Devemos tentar resgatar os nossos valores e espalhar amor por todos os cantos do nosso continente, sem dar relevância a língua, etnia, tom de pele, cultura, idade...
As nossas atitudes é que definem o que somos e nós podemos controlar as nossas atitudes...
Não é que eu queira que tu mudes o mundo, não é isso, eu quero que percebas que quando mudas, tudo muda ao teu redor e isso já é uma revolução... vamos caminhar todos juntos em busca de trazer um sorriso ao nosso continente, porque eu acredito que nós somos capazes;
África - unidos somos mais fortes;
Caminho só acaba quando formos todos um só;

Minha África é bela, minha África é feia, minha África é rica, minha África é pobre;

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento
Tags: #1sócaminho #caminhosóacabaquandoformostodosumsó

Pensei em não pensar

Por alguns minutos, pensei em pensar em não pensar;
Por alguns minutos não pensar em nada, por alguns minutos não imaginar nada
Pensei em pensar em não pensar e decidi em nada pensar, por alguns minutos perder todos os meus pensamentos, esquecer todos os meus apontamentos;

Pensei em não pensar;
Desaparecer por um tanto desconhecido pretexto como desapareceu a Filha de Atlas, a esquecida Cidade de Atlântida quiçá ela nunca tivera existido, quiçá ela não passe de um mito;

Pensando, pensei em não pensar
Calado, pensei em não falar
Parado, pensei em não me movimentar
Ensonado, pensei em não acordar

Meus profanos erros repetidos são as correntes que me acorrentam no alcatraz da imperfeição humana, imperfeito sou, antes de nascer já o era, por alguma razão já o era... por isso eu pensei em não pensar;
As gravuras rupestres deixadas por nossos ancestrais nas diversas pedras, nos diversos rochedos, que até hoje, embora cientificamente o mundo tenha evoluído de uma forma sublime, ainda não se consegue desvendar o mistério do propósito e o significado dessas gravuras, como a Pedra do Ingá...
A coragem do Grande Instrutor - Cristo, O Senhor, Salvador, que permitiu que homens finitos, imperfeitos, maléficos, muito menos poderosos que Ele, o crucificassem, para que seu Sangue derramado curasse a humanidade do pecado, dando vida à Phalassa Paradisíaca...
A humildade de Buda Gautama , ao ponto de abandonar suas riquezas e luxúrias para se juntar àqueles que nada tinham;
O poder da luminosidade na Árvore Bodhi, que na sua arte silenciosa fez com que Gautama alcançasse o conhecimento e a verdadeira a sabedoria...
A lealdade de um islamista, ao ponto de morrer e matar pelos seus companheiros, enriquecendo sua família, pensando equivocadamente que assim consiga alcançar o verdadeiro paraíso, pensando equivocadamente que assim consiga alcançar a verdadeira paz...

Por alguns minutos, pensei em pensar em não pensar;
Por alguns minutos não pensar em nada, por alguns minutos não imaginar nada
Pensei em pensar em não pensar e decidi em nada pensar, por alguns minutos perder todos os meus pensamentos, esquecer todos os meus apontamentos;

Pensando, pensei em não pensar
Calado, pensei em não falar
Parado, pensei em não me movimentar
Ensonado, pensei em não acordar

Telmo Cordeiro
1 compartilhamento
Tags: #penseiemnãopensar #1sócaminho