Coleção pessoal de JeMedeiros

1 - 20 do total de 61 pensamentos na coleção de JeMedeiros

Saudade de quando não éramos definidos por rótulos, quando éramos conhecidos, entendidos, respeitados e amados,
Digamos que os não rotulados.

Tempo em que antes do esteriótipo e do arquétipo vinha a curiosidade de permitir,
Permitir os horizontes, os desmontes, o desconstruir.

Desconstruir o pré-formado, pré-julgado, o pré-estabelecido,
Era tão bom quando antes de sermos rotulados nos definiam por desconhecidos.

Por que pior que desconhecer é a ignorância de não explorar, não questionar, não saber o que realmente é,
A nossa sorte é que somos cheios de sonhos, esperanças e os ditos "tolos de fé".

Que as nossas convicções deem espaço ao respeito, que os nossos princípios nunca sejam esquecidos,
Seja a mente pensante que falta nesse mundo, mesmo que te chamem de louco, é melhor que como eles ser limitado ao já definido.

http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Quem sou?
Como cheguei aqui?
Essa casca que em mim se formou,
Será que encontrarei o antigo eu logo ali?

Acho tão desnecessário esse politicamente correto,
Doutrinas vãs, ideologias hipócritas, tudo tão desonesto.

Se fossemos irracionais seria mágico,
Se essa realidade for o nosso fim,
Defino por no mínimo trágico!


http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Se me disser: Fica!
Não darei um passo.

Se me disser: Vai!
Terei que te desobedecer.

A rebeldia é propícia quando se trata de amor.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

O que é o fim, se não o seu início?
Quem constituiu o tempo por juiz, para os determinar?
Outono e inverno estão a legislar.
Quem os legitimou? Quem os escolheu?
Sou partidária do atemporal, do verão, da primavera.
Voto para que os poderosos sejam condenados a vitalícia cela!
Que eu derreta antes de congelar!
Melhor ser fogo do que água dura me tornar.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Pensar, algo divino, infinito e necessário, onde se inicia e se dá o término de tudo.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Coração e Café, são melhores como doces e quentinhos.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Amar, é como dormir todos os dias em uma cama de espinhos.

Ser amado, é mesmo assim só sentir o perfume das rosas.


http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Sim, é melhor calar do que falar, agora entendo porque silêncio é sinônimo de paz.



http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Amar e amar-se,o segundo é tão importante quanto o primeiro.


http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

A leveza que me leva a levar a vida mais leve!

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Nos meus sonhos você não era um príncipe, você era real.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Se soubesse onde ia te encontrar, lá, teria procurado antes.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Vencer? O que defini-se por vencer, se não o fato de superar a si mesmo?

Te ultrapassar para mim é o mesmo que nada, o meu muito defini-se na pequenez da palavra EU!

http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
2 compartilhamentos

Paixão minha, corpo meu,
Boca minha, beijo...

Só se for o seu!

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Não estou!
Se me procurar mando dizer que já fui.
As vezes vale a pena deixar pra trás,
o melhor é simplesmente seguir.
Entenda, com ou sem você tanto faz,
foi você que me fez desistir.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

No hoje, nunca aja pensando que pode reparar amanhã, o teu hoje é o amanhã de ontem e o ontem nunca volta

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Se a Bíblia é uma utopia, me explique o fato de cientistas apontarem que a origem da vida pode estar no barro.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Seu eu vim do macaco, porque o Darwinismo é uma teoria e não uma ciência?

http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Se Deus não existe, porque você existe?

http://jemedeirosblog.blogspot.com.br/

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento

Tente entende-la e ficarás louco, coisa deveras, destinada a poucos.

Jéssica Medeiros
1 compartilhamento