Coleção pessoal de eriecsoulz

1 - 20 do total de 108 pensamentos na coleção de eriecsoulz

Perfeito
Com seu pincel mágico
Coloriu a vida...

Eriec Soulz

Loucura é nunca mudar nada.

Eriec Soulz

Lembrei de você.
Levei o pé ao primeiro degrau, automaticamente o direito claro, superstição talvez, mas começar assim me deixa confortável e otimista quanto ao fim, respirei profundamente fechando os olhos e canalizando forças. Antes de prosseguir, inclinei discretamente o corpo e elevei os olhos para ver o vão pelo qual a escada se encaracolava, a perspectiva me apresentava uma belíssima imagem. Comecei a subir tentando não pensar no quão longe era o térreo do topo. Eu já havia contado aqueles degraus por diversas vezes a fim de me distrair no percurso e sabia exatamente o quanto eram torturantes. Onze andares, vinte e dois lances de escada, cento e cinquenta e quatro degraus. Transtorno Obsessivo Compulsivo, o famoso TOC.
O prédio era velho e guardava muitas lembranças, além disso, escondia aquele segredo que poucos sabiam desfrutar. Os corredores eram escuros, empoeirados e não circulavam ar. Através das portas ouviam-se algumas vozes dos poucos moradores, gatos, a água correndo pelos canos... A perna começava a queimar, o corpo transpirava, o coração se acelerava e vinha preencher a minha mente com o som de algumas memórias que se exacerbavam com aquele cenário.
Cento e vinte e um, cento e vinte e dois, cento e vinte e três... Próximo do último andar já era possível ver a saída. Ansioso pelo fim, pulei alguns degraus e singelamente corri perdendo as contas, volitei à porta como quem fosse arrancá-la em busca de oxigênio, enfim fim. Apoiei-me nos joelhos ofegante, olhei longe, horizonte. "Perfeição divina dos céus, verdadeiro espetáculo! Ufa, ainda cheguei a tempo." Pensei em agradecimento enquanto me recompunha. Acomodei-me como de costume com as emoções elevadas. Desta vez não, mas muitas vezes ali esses sentimentos me transbordavam os olhos.
Gostaria que você estivesse aqui e pudesse ver mais uma vez, mas ver como meus olhos veem e então saberia que muitas das lágrimas aqui já derramadas nem se aproximam da tristeza. É a imensidão do universo, a grandeza da vida comparados aos desprezíveis problemas aos quais damos tanta importância. Acredito que tudo está no lugar que deveria estar. Você está no seu bem como estou no meu. A condição que demos a nós mesmos foi estrategicamente pensada para que pudéssemos, de uma forma ou de outra, aprender, aceitar e evoluir. Não adianta burlar o tempo, somente ele nos trará novas experiências e transformará aquilo que um dia foi real, em simples lembranças como você.

Eriec Soulz

Meu herói

Já dizia Platão: "Quer conhecer o homem, dê-lhe o poder", pensamento decorrente da lenda do anel de Giges (A República). Ao ser contemplado com o poder há duas direções a serem seguidas, tornar-se um super-herói ou um vilão. Neste momento decisivo você se autoquestiona: "Sou o que sou porque sigo as regras ou esta é a minha essência se exalando?". Pense minuciosamente, certamente em algum momento da vida você já foi engrandecido com algum tipo de poder e eu lhe pergunto, que rumo tomou? Dentre tantas respostas, uma me causou um certo arrepio... Eu escolhi derrubar as barreiras que me impediam de subir, levei anos para ser capaz de descobrir quais eram seus pontos fracos e conseguir de fato superá-las, percebi ainda que podia fazer mais, que podia ir além de apenas destruí-las, eu podia usá-las de impulso, de gatilho, de degrau para alcançar rapidamente novos horizontes. Depois de atingir êxitos pessoais passei a desejar que todos ao meu redor pudessem alcançar seus objetivos também, decidi ser um herói. Optei por vestir uma máscara a fim de deixar meus anseios de lado e me dispor inteiramente a disposição dos outros, ser a voz daquele grito de socorro que nunca veio a tona, ser a coragem daquele que nunca saiu da cama, ser asas para aquele que nunca voou. Eu tive alguns heróis. Eu fui o meu herói. Eu fui capaz e sei que você também é.

Eriec Soulz

Não há boas ações sem boas intenções.

Eriec Soulz

Não é sobre ter coragem, é sobre ter força. Fechar a porta e pular a janela. Buscar respostas dentro de si e reponde-las para o mundo. Originalidade. Ser voz em silêncio e a voz da verdade, da sua verdade, da sua força e da força daqueles que, as vezes, precisam de apenas um empurrãozinho.

Eriec Soulz

Reticências

Sou uma completa e infindável reticências. Preciso apenas de um novo parágrafo, uma nova ideia, um enigma instigante o bastante, uma rima pra lá de ajeitada, um quadro ou um papel. Posso escrever um livro inteiro de páginas em branco ou cantar uma canção de notas mudas. Posso ser rosa ou ser azul, ser verdade ou ser mentira, posso ser tantos e ser eu mesmo personalizado em cada um deles. O que não posso é preencher o seu vazio, pois, tão bem, eu sou esse vazio. Vazio de conteúdos perdidos em menos de dois metros, e olha que não sei o que fazer com tanto espaço. Sou três pontos divergentes, totalmente dependentes um do outro, três pontos exatamente iguais. Sou tudo que pensa de mim sim e sou mais que isso, sou recipiente transbordado, pano encharcado, café escaldado, sou o fim no começo. Sou reticência que não acaba mais. Meu lugar é este, em lugar nenhum e aqui permanecerei para sempre.

Eriec Soulz

REPOSTANDO

Minha profecia para o fim do mundo.
Será no ano de 2026, quando completarei 33 anos, coincidentemente a suposta idade de Cristo quando morreu.
Profeta ou não, me questiono se seria o fim para o mundo ou o fim para mim.

Eriec Soulz

Novamente o horário mudou e até hoje alguns ponteiros não foram ajustados. Não precisaria nem dizer o que acontece... A gente se atrasa, sai com pressa, atropela, erra o nó. O ônibus já passou, a reunião já começou e quando bate a mão no bolso, percebe que a carteira ficou para trás. O dia se segue assim, atordoado. Na ânsia de retornar ao eixo, cai água, cai café, cai celular, cai o rosto entre as mãos debruçando pela mesa, cai a imagem do relógio na cabeça... "Maldito, se eu pudesse reverter as voltas desse dia, certamente usaria de um minuto para arrumá-lo." Pois bem, nem sempre acertamos e conduzimos tudo como gostaríamos, sequer podemos enumerar os motivos que nos arremetem a isso, entretanto, ainda podemos neste mesmo dia, ao pisar dentro de casa e conferir a carteira sobre a escrivaninha, ajustar o relógio e colocar os ponteiros em seus devidos lugares.

Eriec Soulz

Eu costumava ser um punhado de rascunhos rabiscados num emaranhado de memórias. Fui rascunho de todo tipo, P&B, colorido, neon... Percebi mais tarde, que por mais bem guardados que eles estejam, são todos parte de um rascunho só. Um rascunho em branco que se inova e se renova dia após dia. Que se permite voar ao vento sem nunca encontrar um fim.

Eriec Soulz

Enquanto alguns conceitos sobem outros descem, estes que descem são embasados em algo e entendê-los faz com que os conceitos que sobem, subam ainda mais. A bolha do outro. Empatia sem julgamentos.

Eriec Soulz

Perfeito
Com seu pincel mágico
Coloriu a vida
De mil palhaços empilhados
Numa bolha de sabão
Flutuando entre as nuvens
Bem macias de algodão
Apesar dos vários olhos
Este foi o seu caminho
Bem traçados ninho a ninho
Sem mais placas e blá blá blá
Repousada em solo firme
Alegria se espalhou
Um fez cara e tricô
Fez marionete e se engraçou
Fez pipoca e se queimou
Outro fez ponte e se jogou
Numa torre de papel branco
Nem quis ouvir o grito
Ecoado no infinito
Das paredes deste quadro
De um pobre pintor magro esquisito
Que sorria sem parar.

Eriec Soulz

Correndo por entre os túneis e túmulos de Saqqara, Teti inimaginava quão triste era aquele lugar, queria mesmo era brincar com seus amigos, ele, que era filho da realeza, acabara de aprender a ler e escrever e num acaso encontra um pergaminho escondido em uma rocha, curioso, desenrola o papiro e interpreta a mensagem: Eu quero voar.

Eriec Soulz

Num momento eu preciso de você e de repente, quem precisa é você.

Eriec Soulz

Lembrete do lembrete.

De todos meus rascunhos rasgados, amassados, rabiscados, esquecidos, descartados eu fui mais um. Só mais um. Fui um rascunho molhado pelas lágrimas das minhas dores e pelas lágrimas das minhas conquistas. Fui rascunho em preto e branco, colorido, impresso e digital. Fui a ideia de um rascunho. Um rascunho mal escrito, mal interpretado e mal finalizado. Fui um rascunho apagado. Perdido. Perdido em mim, nos outros e pelo mundo. É, fui um rascunho e continuo sendo um, porque eu me escrevo e me descrevo todos os dias e, de todas as vezes que eu me reescrevo, eu descubro um pouquinho mais sobre o que sou, sobre quem sou, onde estou e onde quero estar. De rascunho em rascunho, tudo que se espera pra ele é um final surpreendente. Todo dia, toda hora, o tempo todo há um rascunho em branco esperando por um sentido concreto que nunca terá fim.

Eriec Soulz

Enquanto eles se beijavam, você os olhava e eu te olhava. Suponho que por detrás dos seus olhos haviam muitas suposições que recaiam sobre eles ao supor que, dentro de um beijo, tudo se resumia. Eles eram felizes, você era frustrado e eu apenas um narrador que observava tudo de longe. Mas não... Eles eram os frustrados, você era o feliz e eu... Eu era apenas o contorno de uma imagem meramente ilustrativa.

Eriec Soulz

Amanhecia e eu era o primeiro a levantar
Oh céus, por sorte os travesseiros eram mudos
Escondiam todas as lágrimas que eu não podia segurar
Eu sabia de tudo, mas fingia que não
Tu sabias de tudo, mas fingias que não
Ele, ou eles, também sabiam
Me contar, nunca foi uma opção
Me acusar, por sua vez
Era sempre a primeira da lista
Transferir a “multa” e os “pontos” para o outro
É muito mais interessante
Sim... Eu me culpo
Eu me pergunto, me respondo
Traço retas, curvas, ondas
Ziguezagueio e findo num quadro abstrato
Pergunto-lhe...
É possível enxerga-lo? Admira-lo?
Eu entendo tudo que ele diz, e você?
Será que parou algum para olha-lo a fundo
Ou simplesmente pregou-o na parede para compor a decoração?
Será que isso importa? Talvez sim, talvez não...
Ele leva meu nome, minha marca, minha assinatura
Já é parte da minha história
Do meu ser, do meu mundo
Ele estará presente no meu futuro
Como degrau para o sucesso que ei de alcançar.

Eriec Soulz

Pra falar de amor...
Eu não entendia o que ouvia
Até você me apresentar a voz do silêncio
Eu não conseguia expressar o que queria
Até você me ensinar a apenas sentir
Eu não conseguia enxergar
Até você me abrir os olhos
E conectar seus olhos nos meus
E num abraço
Seu cheiro no meu
Seu corpo no meu
Seu coração no meu
E tornar-se
Não apenas um, mas dois
Dois corações que se completam
Se complementam
Se apoiam
E voam juntos
Pra qualquer direção.

Eriec Soulz

Um minuto
Um minuto é muito tempo
E a cada um minuto
Duas partes se dividem
Meio a meio
Meio pra mim e meio pra você
Por enquanto
Porque pode ser que daqui um minuto
Meia parte não exista mais
Pense pelo lado positivo
Quando era, era por inteiro
Mesmo que ilusório
Como na maioria das vezes
Comum acordo de interesses distintos
A junção daquilo que se tem
Com aquilo que se quer
Uma troca justa aparentemente
Mas que insiste em me conflitar
Será que vale a pena?
São minutos valiosos
Não sei se são ganhados
Não sei se são perdidos
Sei apenas que eles vem e vão
E eu fico aqui
Em busca de apenas um minuto
Capaz de mudar o mundo.

Eriec Soulz

Faço hoje, pensando no amanhã e me lembrando de ontem.

Eriec Soulz