Vanice Zimerman

1 - 25 do total de 32 pensamentos de Vanice Zimerman

Quando a saudade é imensa, o amor pincela pétalas de Lua...

Vanice Zimerman

Noturna Solidão
No silenciar das cores
Envolve-me...

Vanice Zimerman

A xícara de porcelana


Na janela entreaberta,
A xícara de porcelana acomoda-se
E, nas gotas de chá
O pôr do sol cintila...

Vanice Zimerman

Vanice Zimerman

Dilui-se o tempo
Em gotas de poesia...

Vanice Zimerman

Noite fria,
Tão distante meu olhar
No autorretrato...

Vanice Zimerman

manhã azul-
um sorriso de arco-íris
na bolha de sabão

Vanice Zimerman

flutua na xícara-
o frágil botão de rosa
futuro haicai

Vanice Zimerman

Respiro cada lembrança tua,enquanto a saudade em azul cerúleo desliza em uma lágrima...

Vanice Zimerman

Sinto carícias em meu rosto
Com o toque do teu vento
A espalhar as reticências...

Vanice Zimerman

A Fada cobre com seu manto
As pequenas flores do agapanto...

Vanice Zimerman

Saudade em ondas


Quando o coração anoitece
Caminho sozinha,
Em um labirinto de sonhos
Tecido com paredes de rendas,
E telas em branco,
E, a cada passo ouço o som
Das ondas do mar mais próximo,
Saudades em ondas...
A cada passo sinto o vento frio,
Espalhando as pétalas de rosas
Que se transformam
Em pétalas de Lua...
Aos poucos, sinto a presença
A mágica dos teus passos
A me seguir,
E assim meu coração amanhece
Repleto do teu perfume e beijos,
Te amo, amo, amo...

Vanice Zimerman

Meu Cavaleiro azul


Com o vento da tua capa
Mescla os tons de azul e verde,
Com teu cavalo veloz
Mistura às sombras,
O perfume das flores
Desconstrói o fim de tarde,
Como se fragmenta
Um antigo papel de parede...
E assim, com pinceladas em movimentos
Espalha as tintas que tingem à noite,
E, com tua capa azul envolve-me
Abraça-me, dispersando
As lágrimas de saudade,
Que cintilam em cada palavra,
E na emoção de cada verso
Ah, meu Cavaleiro azul...

***
Poema inspirado na tela: "O Cavaleiro Azul" (em alemão: "Der Blaue Reiter") é uma pintura do artista russo Wassily Kandinsky em 1903.

Vanice Zimerman

Dobra-se a dor da saudade
Desdobra-se o coração em versos...

Vanice Zimerman

Haicai 880

noite sem Lua
o canto das cigarras-
depois, o silêncio

Vanice Zimerman

A Vida Em Flor


Brinco de dançar
Em tua perfeita geometria
De pétala em pétala
A vida renasce
Com a textura
Encantada
Desenho a “Flor da Vida”...

Vanice Zimerman

A aquarela tinge um poema


Desperta a aquarela adormecida,
Espreguiçam-se os contornos,
As pedras, o vidro, o ferro
E, os tons de magenta
Sussurram um poema...
Aquieta-se o vento.

Vanice Zimerman

CEREJEIRAS


Há uma sensação de paz e de esperança quando as cerejeiras florescem, parecem amigos que voltam de uma longa viagem, repletos de saudade e novidades para contar...

Vanice Zimerman

Saudade...


Difícil quando o coração, o corpo e a alma estão em um lugar... e desejam estar em outro...

Vanice Zimerman

Encanta-me pensar que em meus sonhos você existe, inexiste a solidão...

Vanice Zimerman

Quando os relógios derretem,
O Amor tem todo tempo do mundo...

Vanice Zimerman

Aldravia VI

bálsamo
que
me
acaricia
tua
voz

Vanice Zimerman

Os tons de azul do teu céu, ainda tingem meus dias, poemas e telas...

Vanice Zimerman

Sintonia de Amor

Empresta-me uma pena de tuas asas
E, deixarei que seja coberta de orvalho,
Enquanto, escrevo poemas d'água.

Vanice Zimerman

Abraça-me

Ensina-me a transformar a dor do ponto final em reticências...

Vanice Zimerman

A Lua se esconde,
Entre as rendas de nuvens
Uma estrela a segue...

Vanice Zimerman