Úze.

Encontrados 22 pensamentos de Úze.

A amizade é a ante sala da decepção!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Fotos traduzem perfeitamente as ações dos entes do pretérito, do futuro e presente!

Nesse tempo congelado os sorrisos, abraços, estão a um passo do sarcasmo!


...e na osmose que ocorre entre a divindade e o seguidor nasce a mosca varejeira que pousa em todo Amor!

Úze.
Inserida por zkdiniz

BALA PERDIDA?

Bala não faz distinção
O que mata nossos filhos
Iguala nos como irmãos!
Bala perdida é
Um contra senso total!
Pois o que espera se
Da Bala afinal?!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Feliz Ano Novo!

Os últimos dias de Janeiro contam Historias de descomunal

Desespero!
...e me recordo de você!
Todo de branco em dezembro brindando o ano que deus ia prover.
Hoje vejo você preste a apodrecer todos esperam o caixão descer na tua lapide apenas o Sarcasmo vai escrever.

Úze.
Inserida por zkdiniz

Sou uma criatura triste!
Que sobrevive de alegrias!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Maria...

O Encanto se quebrou...
Alem de seus olhos tua boca também confessou!
Um segundo foi capaz de me infligir Dores ancestrais!
...E ninguém viu! O instante em que a verdade me feriu!
Teus Olhos Negros sabem os motivos do meu desespero e tal Perola Negra consegue anular: Sabedoria, Vivencia, Descrença! E todos os artifícios que me protege da conjugação da primeira pessoa do verbo Amar!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Tu, és meu Caso!
Eu, tua Casualidade

Úze.

Maria, a Solidão é uma religião onde cada seguidor faz da Dor seu pastor!
O Vazio é um conselheiro sombrio...
Eis o genitor do Frio e de todo Horror que sentimos quando perdermos um grande Amor!
A Insônia aliada à gravidade transforma em Monstros ate bobagens...
O Medo, Senhor dos mais obscuros segredos me confidenciou, também chorou!
A Solidão, o Vazio, a Insônia, a Dor e o Medo, são crias da madrugada já não é segredo.
Maria tua Luz tem o ouro do entardecer e o credo no Medo não lhe permite ver!

Úze.
Inserida por zkdiniz

A distancia entre o que és...

E o que queres ser,

É a dor do processo.

Úze.
Inserida por zkdiniz

MEU SAMBA II

Seu desrespeito selou seu destino
Não ligo se te conheço desde menino
Com sua arma verbal você atentou contra minha moral
Será rápido e indolor em respeito ao que passou
Podes crer não vou envolver família só você esta na minha mira
Nos quatro cantos da cidade ouço o som de sua deslealdade e Trovão é sinal de Tempestade
O aviso foi você que me deu quando cuspiu no prato que comeu
Disse tudo isso olhando para você
Puxe! Sabe lá quem vai morrer
Traíra du carai bem diz o ditado:
Bala! na cara de filho que dá em pai

Úze.
Inserida por zkdiniz

O amor açoita como o vento, e o uivo do mesmo traduz um lamento...

E essa canção é compreendida em toda esfera!

Em segundos gemidos agoureiros ecoam nos quatro cantos da terra!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Tenho no excesso a essência de minha liberdade!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Meu Samba

Vagabundo faz arte com sua Tripa Gaiteira
Na quarta-feira às três e meia Na esquina da Gafieira...
Foste a atração os miúdos do teu bucho no horário nobre da televisão.
Quando encontraram o símbolo se ligaram na caguetaçao! Cuspirão na cara do safado! E puseram fogo no corujão

Úze.
Inserida por zkdiniz

Praia de Jacarapé

Abro uma garrafa de Vinho às outras mergulho no Rio frio.
Não possuo intimidade com o Mar de Inverno, não aquela que ser cria com o tato...
Fico intimidado por suas águas cinzas, frias...
Sua Mística Sombria possui uma Sensualidade que é captada apenas pelo medo!
O Mangue que me observa de boca aberta em min desperta uma estranha sensação em comunhão com esse sentimento transformo palavras em ungüento para aqueles lazarentos que nos corpos levam as chagas da Solidão!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Barba Azul...

João Pessoa Chora! A Penha estar de luto! Um de seus filho talvez o mais sagaz e astuto fez a passagem para o outro mundo...

Zé Ramalho contemporâneo de geração com consternação no coração em sua homenagem fez uma canção!

E esse hino ecoa nos quatro cantos da terra na boca de todos aqueles que fazem da efêmera vida, eterna!

Nos olhos desse tipo de gente vais perceber que sua pupila traduz sua crença e sua religião é sua vivencia!

A cidade estar fria, Cinza, Triste...
...por não saber que nosso Pirata ainda existi! Quem deixa filhos sobre a terra faz de sua vida eterna!

Úze.

Iara é como o Sol...
Indispensável a vida!
Mas não me aquece a noite!

Praia do poço!
02/07/09

Úze.
Inserida por zkdiniz

No Universo a Luz é exceção, na Alma é Lapso!

Úze.
Inserida por zkdiniz

A Solidao é um templo onde um velho PunK bêbado vomita suas magoas!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Nada pior...

... Que uma criança sangrando.
Um padre rezando!

Um beque Apagando!
Um político discursando e um cretino resmungando!

Úze.
Inserida por zkdiniz

Chamas da Eternidade...

Toda vez que você me vê , brota um novo vicio em você.

E Perante a eterna sedução entre culpa e vontade nascem às chamas da eternidade!

Diante desse relacionamento universal ardem as paixões Bastardas enrustidas Nas entre linhas da vida!

Úze.
Inserida por zkdiniz

ROSE ( Pretinha)

Teus olhos guardam segredos letais capaz de induzir o mais sábio dos mortais. O sabor de tua boca me impele as ações que nunca pensei ser capaz! E anestesiado por tua Tóxica saliva consigo imaginar... Quem sabe um dia viver com alegria!
Tua pele é um manto que seduz Homens, Diabos, Santos!
Sendo abstêmio de conhecimento perante tua lira me calo! O sabor de tua vivencia traduz na essência tudo que uma guerreira é capaz!
E salivando possuído por ardilosa loucura reverencio ao Acaso Deus que nos, pois lado a lado!

10/07/09

Úze.
Inserida por zkdiniz

Diva Marta

No fundo do coração ela sente uma profunda magoa! Tal agonia ante o tédio do dia-a-dia se disfarça
Por toda sua vida esta presente a despedida! Na sua face esta esculpida a partida...
O esculpir da carranca dar-se nos talhos da vida e perante agonias sorrir no altar das mixarias!
Esta frustração latente a noite se torna incandescente sombreando sua face! E esse ar escarlate compõe sua funesta imagem!

Úze.
Inserida por zkdiniz