Manuela Saraiva

Encontrados 5 pensamentos de Manuela Saraiva

e, com você, é no sofá, na escada, no tapete, no chão, na cama, na parede, na cozinha, no fogão, no banheiro, lá na rua, lá na contra-mão, na parede, na escada, no sofá, no fogão, no sofá, na escada e acelera o coração de uma maneira estranha, de um jeito arrasador, que me atormenta a noite toda, que é desesperador, avassalador, surpreendedor, que me ama, me abraça e acaba com a dor. acaba e volta novamente totalmente de repente, sem me deixar respirar, é, ao mesmo tempo, rápido, intenso, eterno e devagar. e, no meio disso tudo, a gente pára, olha nos olhos, na hora da dor, na hora do prazer, a gente pode perceber a presença do amor. um amor que é contundente que não precisa estar presente constantemente para sabermos que ele está ali, você lá e eu aqui esperando que aconteça tudo muito sem querer, mesmo que eu queira, que você deseje e que é difícil de esquecer. nos demos o melhor de nós ;)

Manuela Saraiva
Inserida por maa-nu

É INSUPORTÁVEL !

sim, eu acho insuportável assumir que eu morro de ciúmes dela !
eu acho insuportável ela te chamar do que eu te chamava, eu acho insuportável não poder te ver porque você está com ela. eu acho insuportável ter que saber que você me ama, mas está com ela porque não pode estar comigo. eu acho insuportável você estar com ela porque tem medo de estar comigo. eu acho insuportável ter que ler que você a ama não sendo verdade. eu acho insuportável ter que te ver como meu amigo já não conseguindo isso com perfeição. eu acho insuportável saber que você tem saudades de mim. eu acho insuportável ter que guardar palavras, gestos, sentimentos que eu queria expressar só para você. eu acho insuportável ter que ver o homem da minha vida fazendo outra pessoa feliz. você pra sempre !

Manuela Saraiva

e foi depois daquele dia doze de abril no tatame que aquele garoto que eu não ia muito com a cara me beijou e mudou tudo em mim. passamos por muitas coisas, mas nem tudo foi como esperávamos. Só o que me dói é lembrar o quanto ele mentia pra mim ao dizer que me amava, que nunca ia me magoar e que não havia segredos entre nós. se ele diz que seu coração só bate por ela, então por que ele ouve aquela música que eu sempre ouvia e que eu mandei pra ele no cd ? eu só queria que ele soubesse que, por mais que eu me force a esquecer, é nele que eu penso ao ouvir alguma música que fale de saudades, porque é isso o que eu mais sinto daqueles momentos malucos que nós passávamos juntos. a gente estava junto no banheiro do bar, no banheiro da festa, no terraço da festa, no chão da festa, na cadeira da festa, dançando na festa, abraçados na rua, cantando na rua, no banheiro da casa da mãe dele, brincando de pique-esconde, até de madrugada no msn, falando no telefone até as três da manhã, gritando, puxando, beijando, abraçando, amassando, gostando, arranhando, sempre assim e você ainda insiste em demonstrar que não sente falta de mim. é, passaram-se cinco meses desde aquele primeiro dia doze e o diogo, aquele 'insuportável', já não está mais ao meu lado para levantar a minha cabeça quando eu sentir vontade de chorar, já não está mais ao meu lado pra me fazer sentir o quanto eu era importante na vida de alguém, já não está mais ao meu lado pra me dizer o quanto eu sou chata e farofeira, já não está mais ao meu lado pra me desconcentrar e me fazer esquecer de mim, já não está mais ao meu lado pra me fazer a mais feliz do mundo mesmo com todos os defeitos e problemas que tínhamos. é, já não é mais assim. cinco meses e é o fim.

Manuela Saraiva
Inserida por maa-nu
1 compartilhamento

HÁ DIAS...

a vida nos surpreende a cada dia que passa. a cada dia acontecem novas palavras, novos carinhos, novos sorrisos, novos corações, novos sentimentos. há palavras (ou até músicas, rs) que nos surpreendem mais ainda por serem ditas em momentos inesperados. há carinhos que nos fazem dormir por serem ansiosamente aguardados. há sorrisos que nos fazem sonhar por ser o sorriso de uma pessoa amada. há corações que nos despertam por baterem forte e em bom som tendo dentro de si um grande sentimento. e assim já não sabemos mais se foi sonho ou se é realidade, só esperamos que o sentimento seja totalmente de verdade.

Manuela Saraiva
Inserida por maa-nu

PRA ELE.

as vezes, somos capazes de controlar à tudo: às nossas ações, às nossas reações, às nossas vontades e até aos nossos sentimentos, mas chega uma hora que nada mais funciona. parece que os seus controladores estão enferrujados e então você se deixa levar por palavras, atos, sentimentos que você achava que nunca iriam existir e você, por ter sofrido tanto, sente medo. medo de viver, medo de sentir, medo de ser, medo de curtir, medo de abraçar, medo de querer, medo de amar, medo de perder. porém já não há controle, já não há uma força que faça você voltar ao lugar de onde saiu, porque, por mais que a sua razão queira, o coração já não permite. e você tem receio de dizer, receio de demonstrar, pois amar nem sempre é fácil pra quem teve visões não muito boas sobre o amor. pais separados, mãe sofrendo diariamente por amor, pai sofrendo por não ter o amor da mãe... é complicado falar desse assunto para uma pessoa com estes 'problemas', mas... pareço estar em um conto de fadas, literalmente ! é como se eu fosse ser feliz para sempre. (sempre, de verdade) e esse é um dos problemas.



amar nem sempre é o conto de fadas que aparenta ser nos filmes e eles iludem a gente com aquelas cenas, aquelas músicas e todas aquelas coisas que nunca acontecem na vida real. eu penso em desistir, mas, só de ver aquele rostinho bonito sorrindo pra mim e dizendo e demonstrando o quanto é boa a minha presença... eu perco todas essas idéias e os planos começam a fluir na minha cabeça e se reforçam dentro de mim, dentro do meu verdadeiro eu, porque, quando estamos com a pessoa que gostamos, somos nós mesmos ! e não há como esconder isso.

Manuela Saraiva
2 compartilhamentos