Jeanine de araújo

Encontrados 13 pensamentos de Jeanine de araújo

Enquanto a chuva cai eu me lembro de como éramos felizes, nossos sonhos, sim 'nossos' pois éramos dois em apenas um, por mais que eu tente negar, por mais que eu não queira admitir eu sinto uma enorme falta, e sei que nada preencherá essa saudade, e nada vai tirar essa saudade de dentro de mim. Posso encontrar um outro amor, mais você sempre estará presente em minhas lembranças... é o que resta, é o meu conforto... é a minha saudade.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Eu conheço um menino, no começo ele parece ser diferente, a garota se apaixona, ela abre seu coração por inteiro, sem nenhum espaço preenchido, ele muda completamente e destrói os sentimentos da garota, ela se acaba por dentro, seu coração está despedaçado como cacos de vidro pelo chão, ela se arrepende e jura que nunca mais irá entregar seu coração pra um estranho... mal sabe ela que tudo virá novamente e ela nem perceberá.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Não quero que você você me fale inúmeras vezes ao dia eu te amo, não quero ligações de cinco em cinco minutos, não preciso de você fazendo coisas ensaiadas, não preciso de uma pessoa manipulada. Quero uma pessoa que se sinta feliz comigo, que fale que ama quando eu menos esperar, quando ele confirmar que me ama de verdade, quero uma pessoa que tenha os lábios doces, e que faça carícias em mim, preciso de uma pessoa que me descubra de diferentes formas a cada dia e acima de tudo quero uma pessoa que me ame, apenas isso.. nada a mais.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

quero diferença, quero AMOR!

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Sem contradições, ela não se revela, pelo menos até agora ninguém sabe quem é ela de verdade. Sempre veste capas diferentes, e faz questão de sempre confundir seus admiradores. Ela vê como uma forma de controlar situações e não ser pisada pelo tal do amor, sempre por perto querendo roubar seu coração e dar pro primeiro destruidor que passar, de certa forma ela sente saudade de quando não usava esses artifícios pra se esconder, mais depois que ele apareceu ela tinha que se proteger, afinal o amor nos engana e nos envolve e nos traz uma magia que não tem como evitar, explicar ficou difícil e a cada dia cresce ainda mais teorias pra tentar descrever esse sentimento tão profundo e tão confuso que nos envolve aos poucos e nunca vai embora, está sempre lá te trazendo as mais doces e incríveis lembranças.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Você está completamente errado em me pedir pra te esquecer, eu posso até sumir por uns tempos, não manter mais contato, me esconder de ti, mais te esquecer eu não posso, eu sei muito bem que acabou e sei também que você não me quer mais e a nossa história acabou, posso fingir que te esqueci mais dentro de mim existe um buraco com lembranças suas, você deve saber esquecer fácil, rápido e de imediato, já está a mais tempo nessa situação de se envolver e quando cair na rotina e vir as primeiras dificuldades decidir sair. Já eu, ainda sou novata e inexperiente nesse 'jogo' mais já entendi que quando se ama não se esquece nunca nem por um segundo nem mesmo quando alguém que você ama muito te fere e pede pra você o esquecer.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Pela primeira vez eu não entendi o que você começou a me dizer, coom frases confusas e inacabadas, meu coração temia pelo piór e acumulava batidas cada vez mais rápidas, fortes e intensas mas dessa vez não por te ver vindo em direção a mim e sim indo embora junto com uma armadura intacta. Confesso que me quebrei por dentro em pequenos pedaços quase invisíveis, mais depois de muitas noites escuras e frias, com lágrimas nos olhos,aos poucos, aos poucos e fui colando pedaço por pedaço até que consigui me reconstituir o bastante para te escrever uma carta dizendo com poucas palvras, mais suficiente pra te lembrar que não te esqueci e sim aprendi a viver ser você e seu finito amor.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Se conheceram em Setembro de um ano ímpar, o dia até hoje não foi esquecido por ela. Ela era uma axpirante a poeta e ele era a inspiração. Ela se apaixonou muito rápido, e sempre que via ele ela sonhava. Ela tentava disfarçar mais ele percebia tudo através do olhar enigmático e tímido que ela possuía, depois de um tempo ela descobriu que os sonhos nem sempre são os mesmos, paixões quase sempre acabam, e a inspiração muda. O que sobrou do olhar foi ignorado, ela se eergueu e o filme acabou. Ela carrega na lembrança o primeiro capítulo do filme, mais fez questão de deletar o final.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Foi bem difícil abrir mão de você, ainda mais porque você que começou tudo, e do mesmo jeito que você começou você terminou e esqueceu de me avisar; me deixou pensando que a história estava só começando... tola eu que caí na sua e acreditei que você fosse um caso á parte, algo diferente de tudo que eu já tinha conhecido e me interessado. Foi passageiro, foi decepcionante mais hoje sem nenhum sentimento posso te afirmar que você foi um erro e eu sempre deixo os erros para trás!

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Então paro de tentar escrever coisas que já parei de sentir, porque não posso afirmar mentiras inventadas.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Então eu vejo que eu nunca quis falar tanto sobre amor como agora, talvez por ter te encontrado e por você ter despertado esse amor em mim. Todos chamam de amor esse olhar que vêem em mim, todos chamam de amor essa maneira de sempre querer falar teu nome, eles chamam de amor esse olhar tímido em sua direção. Mas eles não importam, eu queria que você... você percebesse pois você é o único que precisa saber desse amor, o amor que eu sinto em mim.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Com o tempo você vai deixando de lado as coisas que te fazem mal, aquilo que não te acrescenta em nada, coisas que te fizeram agir mais com a razão do que a emoção, até porque emoção demais atrapalha e dependendo te quebra por dentro.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee

Eu sempre quis escrever algo que tocasse alguém, sobre amor, más não aquele amor que foi banalizado, aquele amor que é da boca pra fora, o fato é que até hoje eu não consegui, talvez por até hoje não ter amado alguém com tal intensidade que o amor tem, tenho amores passageiros, na verdade não são dignos de serem chamados de amor, amor é bem mais..talvez eu nunca consiga explicar nada sobre o amor, mais isso não significa que eu não sinta, pelo contrário, tiro a falta das palavras e recompenso com sentimentos, muitos... vários.

Jeanine de araújo
Inserida por nynee