FÁBIO NERY

1 - 25 do total de 75 pensamentos de FÁBIO NERY

Hoje acordei querendo entender o que um dia o senhor me perguntou de forma muito curiosa, o que a vida significava para mim. Há poucos dias estávamos comemorando os cem anos (que ela dizia ser os noventa) de sua mãe, hoje choramos com sua partida.

E é com o sentimento de saudades que me despeço do senhor que amou a todos nós sobrinhos como filhos e foi amado por todos como pai.

Recorro neste momento àquele que um dia 2000 anos atrás nos enviou seu filho (sua semelhança) para nos salvar. Para nos salvar! Salvar de quê? Dos nossos pecados! Mas por quê? Se somos sua semelhança, não deveríamos ser perfeitos e eternos assim como ele é?

Amado tio, tua resposta eu encontrei com tua partida. Vejo neste momento que só Deus é capaz de explicar o que está diante de mim, e é através dele que busco essa compreensão do significado da vida, quando ele fala do nosso retorno ao pó fisicamente e espírito ao seu lado.

Compreendo com isso que ele diz que somos eternos e perfeitos, pois voltamos a nos unir de onde um dia saímos para nos transformar em corpo e alma. Alma! Alma sim. Assim como o corpo é uma pequena porção do universo físico a alma é a personificação do espirito que é um todo Deus. E onde fica o pecado? Ele nos mostra que vem do exagero de nossas vontades e é esse excesso que nos divide e nos separa e nos torna mortais, é quando deixamos de ser um todo para ser uma parte com nossas: inveja, avareza, gula, luxúria, ira, preguiça, orgulho. Deixamos de ser humanos, querendo o lugar de Deus, e é aí, tio, que vejo por quê Jesus veio nos salvar e é isso que Deus quis nos mostrar quando nos enviou o seu filho para nos libertar do pecado e nos colocar a seu lado.

E é por isso, tio, que neste momento oro para que o senhor Deus perdoe teus pecados e te conduza à vida eterna. Amem!

Adeus, amado tio

(FÁBIO NERY)

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery
1 compartilhamento

INTELIGÊNCIA existe?

Será que somos inteligentes?

Pois veremos o que faríamos se nos colocassem em uma sala de cirurgia para chefiarmos uma cirurgia cardíaca!

Se nos colocassem em um campo de futebol para apitarmos uma final do campeonato brasileiro!

Se nos colocassem em uma cabine de um Boeing 737 para pilotar no percurso Brasil-New York!

Se nos colocassem para escalar o Monte Evereste!

Todas essas situações, existem pessoas que as realizam, por que não nós?

Precisamos desenvolver habilidades, e só com prática, conhecimento e tempo que alcançamos a inteligência.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

EU SOU EU MESMO?

Quando crescer, quero ser um astronauta como...

Quando completar 18 anos, quero um carro igual ao do...

Quando entrar para a universidade, quero trabalhar em uma grande empresa igual ao...

Quando me formar, quero casar com uma mulher igual à do...

Quando casar, quero ter uma grande casa como a do...

Quando for para casa, quero ter filhos como o...

Minhas referências refletem o que sou ou o que não sou? São minhas ou são impostas a mim?

E quando você quis ser você mesmo?

Quem é você?

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

DECISÃO CERTA OU ERRADA!

Tomamos decisões a todo o momento, por hábitos (impulsos) ou reflexões (razão). Quando elas resultam em erros, geralmente temos dois caminhos a percorrer: admiti-los e perdoá-los procurando uma saída para corrigi-los, ou negá-los e escondê-los sem a possibilidade de consertá-los. Com o primeiro, abro caminho para a remissão e o acerto; com, segundo a continuar no erro.

Por que então continuamos insistindo a esconder os erros? Quando nosso ego está enfraquecido, não conseguimos olhar para o quão temos de defeitos e erramos dando a ideia de que, escondendo, estaremos resolvendo o problema, e deixando nossa vaidade intocável. Pura fantasia que nos leva para a infelicidade.

FÁBIO NERY

DATAÍSMO

Quando estamos em um lugar desconhecido e queremos achar um endereço, a quem recorremos?

Quando queremos saber um fato histórico, onde buscamos?

Onde achar uma pessoa que há tempos não a vê?

Quero comprar um objeto, onde faço a pesquisa de preço?

Vou receber umas pessoas em casa e preciso preparar um aperitivo, onde busco a receita?

Estou precisando fazer uma transferência de dinheiro para minha filha que está viajando. Como faço? A meia noite?

Preciso medir o resultado de meu trabalho como organizo?

Esperamos que as respostas caiam do céu (Deus)? Que nos entreguem de graça (Estado)? Compramos (Mercado)? Ou buscamos na máquina (Computador)?

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

EU

Sou o que penso: pré-moderno, revolução cognitiva.

Sou o que faço: modernismo, revolução industrial.

Sou o que consumo: pós-moderno, revolução da informação.

Sou o todo: futuro, revolução humana.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

MUDEI?

Ou mudei só a maneira como me vejo?

Geralmente procuramos lugares (posição) onde ficar que nos permitam esconder o que não queremos mostrar a nós e aos outros. Igrejas, palácios, empresas, ginásios são muito propício a isso.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

O OLHAR

Quando nós olhamos para um macaco, o que vemos? Um animal ou nossa origem?

Ao nos perguntar estaremos questionando nosso futuro, pois, dependendo da resposta, isso poderá definir a maneira que iremos escolher o caminho a ser seguido como humanos.

Se sim, acharemos que podemos ser algo diferente do que somos hoje como espécie, caindo na fantasia, saindo da realidade provocando uma sensação de poder nos levando a acreditar que poderemos ser Deus.

Se não, seremos sempre humanos dentro da realidade que Deus nos deu.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

PARAÍSO

E DEUS criou o homem e de sua costela criou a mulher, e a eles entregou o paraíso com uma condição: de não experimentar o fruto proibido da árvore do conhecimento (bem e mal). E então o homem desobedeceu e DEUS os expulsou do paraíso.

Olhando para esse texto, temos a primeira impressão de que, para sermos aceitos por Deus, precisamos ser ignorantes?

Não. O que esse texto nos mostra é que, enquanto estivermos buscando outra coisa senão DEUS, estaremos pecando, pois estaremos lhe desobedecendo, isso é fora da consciência, assim como lúcifer lhe desobedeceu. Exemplo disso é quando estamos verificando nosso passado, querendo descobrir nossa origem fora dele, e quando estamos querendo adivinhar o futuro, como se fôssemos capaz de estar em seu lugar fazendo o que ele faz (sermos Deus).

Carregamos essa semente do pecado original, e sem digeri-la estaremos aprisionado no ego. Para nos libertar, precisamos da consciência (somos filho dele e não ele), isso é que nos salvará.

Pois bem! Entendido isso podemos dizer que faz uma grande diferença em nosso cotidiano ter em mente esse entendimento, pois nossas ações serão guiadas por nossa vontade (de ser Deus) ou por nosso propósito (de servir a Deus).

FÁBIO NERY
2 compartilhamentos

O HOMEM E A MÁQUINA

A história mostra que a evolução do homem partiu da utilização do objeto para satisfazer suas necessidades (pedra utilizada para acender o fogo). E, durante essa existência, o homem foi ameaçado várias vezes de diversas formas por suas criações, mas ele ainda não criou algo que tivesse iniciativa própria e a capacidade de resolver novos problemas, essas características ainda são só humanas e enquanto isso for preservado estaremos preservando nossa existência utilizando a máquina a nosso desenvolvimento.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

ANTÔNIMO

O consumo exagerado é estimulado por o que temos de pior, que é a nossa vaidade, e essa só aparece quando alimentamos nossa individualidade, que por sua vez é reflexo de nossa educação. Porém pelo mesmo caminho podemos mudar isso, trocando essas palavras por seus antônimos: individualidade-coletividade, vaidade-humildade, consumo-economia, que chegaremos a um convívio melhor.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

A CONTA

Faço o que não quero que façam comigo.

Quando fazemos isso, provamos do próprio veneno. A escolha é nossa, apesar de não sermos donos de nosso destino, mas sim favorecedor dele, cabe a nós escolher do que queremos provar. Ao escolher, a conta vem, pode ser agradável ou insuportável.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

Já descobriu qual a sua loucura?

Procuramos nos outros as nossas loucuras, pois temos a falsa ideia de que a encontraremos e assim poderemos justificar que estávamos corretos quando os chamávamos de loucos, e chamá-los de loucos é dizer para si mesmo que sou melhor do que ele e assim sendo alimento o meu ego de soberba.

Quando a encontrar não se esqueça de que você só a reconhecerá se ela for sua também.

FÁBIO NERY

INFERNO

Somos nós que o escolhemos quando negamos o que Deus nos deu.

Negamos o amor ao alimentar o ódio.

Negamos a natureza ao destruir as florestas.

Negamos a alegria ao atrair a tristeza.

Negamos a sabedoria ao preferir a ignorância.

Negamos a coragem ao afundarmos no medo.

Negamos a vida ao matarmos.

E o engraçado é que depois de tudo isso o procuramos para nos tirar de lá.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

AUTOSSUFICIENTE.

Nascemos na ditadura, sem computador, com uma só religião e gênero definido, onde a moral era o valor máximo da sociedade e a profissão o ideal a ser buscada, a memória como uma virtude, aprendendo com o professor e se relacionando com várias etnias, a realização estava no coletivo cooperando com o outro, com baixa exposição de sua vida privada, cumprindo horário com calma e buscando o contato pessoal, fazendo o dever, o dinheiro era tido como consequência do trabalho realizado, sofrendo como condição de chegada ao céu e nos sentindo insuficientes. Hoje estamos na democracia sem saber votar, com um computador na mão sem saber usar, com várias religiões sem prática nenhuma, o certo e o errado é relativo, aprendendo só, com nossa memória no bolso, com intolerância a outras etnias, buscando o prazer individual e sexualidade a qualquer custo e agora como se não houvesse o amanhã, com sua profissão mudando a cada acordar e com o dinheiro como principal objetivo estimulado pela competição como se todos fossem capazes de alcançá-lo, fazendo seu próprio horário com muita pressa, evitando o contato pessoal, buscando-o a distância, com alta exposição da vida privada e se sentindo autossuficiente. Que tal buscarmos um meio termo?

FÁBIO NERY
2 compartilhamentos

FORÇA

Onde a achamos?

No físico, quando o exercitamos.

Na atitude, quando a repetimos.

Na psique, quando nos conscientizamos.

Na lógica, quando a realizamos.

No amor, quando nos aproximamos.

No trabalho, quando acertamos.

Na fé, quando oramos.

Na família, quando a conservamos.

No outro, quando confiamos.

Em Deus, quando amamos.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

O VALOR DO ESFORÇO

Quando Michelangelo estava pintando o teto da capela Sistina no Vaticano, Itália, foi lhe perguntado de onde ele tirava tanta inspiração! Ele respondeu: Só um por cento é inspiração, os outros noventa e nove são do suor.

Temos por hábito de só valorizar o resultado final sem olhar o processo que faz com que cheguemos aos lugares desejados, como se tudo não precisasse de esforço para ser realizado.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

O PESO DA COMPETÊNCIA

Ser bom em alguma coisa é, antes de tudo, ter a coragem de assumir o dom e fazer o bom uso dele, não fugir do julgamento, deixando o medo o mais distante possível junto da vaidade.

Afinal é jogar a favor sem sentir o peso da competência.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

REALIDADE X CULPA

Quando estamos passando por uma situação que nos mostra nosso erro, sentimos culpa.

Essa culpa nos causa arrependimento, e pedimos desculpas, ou não a aceitamos, acusando outra pessoa.

Perdão será a saída pela qual podemos passar, mas nunca é fácil, pois é um ato de extrema humildade, e humildade é uma atitude de assumir que não somos Deus e por isso não queremos passar.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

PENSAMENTO


Sinto falta do plano que fiz e não se concretizou, ficou no pensamento.

Sinto saudades daquela pessoa que não conheci, ficou no pensamento.

Sinto medo daquele problema que não enfrentei, ficou no pensamento.

Sinto arrependimento pelas palavras que deveria ter dito, ficou no pensamento.

Sinto receio daquele encontro que não aconteceu, ficou no pensamento.

Sinto ânsia por aquele resultado que não saiu, ficou no pensamento.

Sinto tristeza por não ter ganho o presente que esperava, ficou no pensamento.

Sinto angústia ao pensar naquela barreira a ultrapassar, ficou no pensamento.

Metade do que pensamos são coisas que nunca se realizarão, isso gera emoções que se perdem no vazio.

Ilusão nos leva ao nada.

Realidade nos leva ao todo.

FÁBIO NERY

IMAGEM

Por ela nós: odiamos a Deus, falamos seu nome em vão, desonramos pai e mãe, matamos, roubamos, levantamos falso testemunho, cobiçamos o que os outros têm.

Fazemos tudo para conquistar nosso ego pelo olhar do outro. E para alcançarmos essa conquista vivemos nos iludindo como se fosse verdade.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

BABEL

Em Hebraico significa confusão, em uma organização é tudo que não queremos (desordem).

Deus nos impôs a desordem através da língua que falávamos, para que não continuássemos com aquele projeto que lhe desobedecia. É por esse motivo que devemos observar se nossos projetos estão de acordo com seus preceitos e se estamos falando a mesma língua, pois só assim eles darão certo.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

SONHO


Quando acordo, me levanto e penso em ir ao banheiro, não duvido que chegarei lá.

Vou tomar café, confio que encontrarei a xícara.

Vou trabalhar, confio que encontrarei a tarefa.

Vou almoçar, confio que encontrarei alimento.

Vou para casa, confio que encontrarei um teto.

Vou dormir, confio que encontrarei uma cama.

Fico sonhando como seria nossas vidas se tivéssemos essa mesma fé em nossos:

Governos

Instituições

Pessoas

Ordem

Tudo

Essa medida é que nos torna uma sociedade capaz de resolver nossos problemas e desenvolver-se.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

SABEDORIA POPULAR

Plantar uma árvore.

Ter um filho.

Escrever um livro.

Essas três atitudes fazem de você uma pessoa que olha para o futuro, vivencia o presente e deixará uma mensagem para posteridade.

Isso gerará sentimentos que acolherâo esperança e afugentarão o medo, acolherão bem-estar e afugentarão o mal estar, acolherão a calma e afugentarão a ansiedade.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery

PROBLEMA: escondo ou enfrento?

Há duas maneiras de tratar o problema, ou eu procuro conhecer ou esconder.

Problema é quando algo sai diferente do esperado.

Na vida, isso acontece a todo momento, pois não temos domínio das circunstâncias que nos envolvem.

Por isso é sempre melhor procurar conhecer, pois estaremos com possibilidade de melhorar e crescer; já escondendo, ficaremos no mesmo lugar.

FÁBIO NERY
Inserida por fabio_nery