amauri valim

126 - 150 do total de 747 pensamentos de amauri valim

Eu não quero entender a vida, muito menos deixar de vivê-la.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Deus permite que alguns vivam os prazeres ainda que nas formas grosseiras dos erros.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

É uma espécie, um investigador crítico, usa como referências a filosofia e a psicologia sobre tudo ele cria opiniões a cerca da religiosidade, da crença, dos costumes, do comportamento, do estado de saúde. “Crença é Crença, Saúde é Saúde”. Esta é uma causa dele, que apenas mostra o seu ponto de vista, sua incoerência, sua razão, seu estado de espírito, sua diferença, sua ignorância. Para todos os meios ele cria um estado de sobrevivência quase infalível, sem formalidade alguma, de credulidade básica, comedido e verdadeiro na maioria das vezes, porque noutras vezes as pessoas precisam de mentiras para superficialmente estar felizes. (A. Valim).

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Perco o controle quando tudo está no meu controle.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Quanto mais leio, mais escrevo e menos choro.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Quem te ama já faz tudo por você, Já pensou!
Então por que ainda queres provas!
Por que ainda tu queres que rastejes a teus pés!
Se tu és amada, tu fazes tudo por quem te ama!

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Ao pensar mais em mim estarei sendo menos egoísta.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Não é necessário o entendimento religioso, assim como não é possível se conectar com santidades no céu.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

A crença é necessária para explicar aquilo que não tem explicação.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Quando não conseguimos explicar o intangível deveríamos trabalhar para saber e não crer para explicar.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

A minha biologia é evolucionista e não criacionista.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

O meu pensamento é livre e não dogmático.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

A fé a crença em divindades é necessária para a proteção contra fantasmas e demoníacos.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Embora mudem os papas as ladainhas continuam as mesmas.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

O diabo é a maior invenção do homem depois de deus, uma versão fracassada onde se ponham culpas por serem infelizes, mal amados, perseguidos, fracassados, desesperados, por terem farinha e não terem saco, por terem panela e não terem a tampa. Creiam que deus dá o céu e o diabo dá o inferno, que estamos bem no meio da linha de fogo já condenados, mas com possibilidades de reversão a subir pro céu ou descer pro inferno. O céu e o inferno são as outras grandes invenções do homem.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

O homem perde o espírito quando morre, porque espírito é coisa do organismo humano. A alma é uma coisa, é invenção que serve o nada, não creio em espíritos ambulantes nem em almas penadas.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

A verdadeira paz não depende das palavras e sim de uma consciência sem culpas de caráter puro.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Mulheres são as fontes inspiradoras das canções, das poesias, das noites de agonias, essas mulheres mandam nos homens e nós achamos que damos ordem. Embora até tenhamos algum domínio, mas já sustentados pelas suas ideias.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Não é uma saudade pra dizer bem a verdade,
Mas é algo que talvez eu possa explicar,
Que talvez eu não consiga convencer.
Que saudade é essa que eu tenho,
Que não te vence que não te traz.
Eu nunca te abracei nem tua vós ouvi,
Que cheiro, nem cheiro eu senti.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

O mundo anda tão mal, mas, não o mundo da criação divina, o mundo dos homens. Os males transformam os homens de fé, os homens dos cafés e dos cabarés, os homens de espíritos desarrumados; fé é fé! Mas se todo o populacho que transborda nas areias das praias e das avenidas largas produzissem grãos, em vez de produzir fé; eliminariam a fome e muitas outras dores, como as dores das almas. A fé move montanhas, os cafés movem estômagos e cérebros, fortalecidos pelos espíritos o estupefazem, tanto quanto beber-se de fé, ou beber-se de café. (A. Valim).

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Quando conhece o estado de saúde e
Entende sobre o corpo, o corpo terá menos
Demônios a serem expulsos.
O bem estar do corpo e da mente
Reflete pelo quanto reclamam,
Das dores que sentem e
Das injustiças que acreditam.
Cada um armazena no estado de saúde
O que deseja o que concorda existir.
(a. valim)

amauri valim
Inserida por amaurivalim

A maior personalização e a mais complexa de todas é a criação de um filho.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Ser Cruel
Por: amauri valim

As coisas não podem ser explicadas facilmente.
Diagnosticar e dar resposta rápida não são prudentes,
é crueldade.
Ser avaliado por um único instrumento é crueldade.
É desumano idealizar alguém para as próprias satisfações,
é crueldade.
Tudo o que é humano é grotesco e cruel.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

As Guerras
Por: amauri valim

Sempre houve dois tipos de guerras:
guerra por ideologia religiosa; guerra por poder político.
As guerras são os experimentos, são os próprios treinamentos
dos poderes bélicos governamentais e dos poderes espirituais
das divindades, que também condenam e matam para as salvações.
As promoções das guerras são camufladas muitas vezes pelos
estigmas da religiosidade, aonde se promovem as guerras e os
experimentos espirituais. Tudo é comércio da guerra, desde a guerra
entre a maçã e a cobra; entre a dor e o remédio; entre Deus e o diabo;
Deus e o Diabo são os mentores desse plano divino e diabólico.
A plebe, sem poderes divinos, nem poderes diabólicos ou bélicos,
entra com a cara a levar chumbo. Todos saem perdendo,
entre membros decepados e vestes estraçalhadas restam às
lágrimas desesperadas dos que ainda podem chorar,
e nos poderes palacianos as glórias e as impunidades.

amauri valim
Inserida por amaurivalim

Os Homens do lixo e os da Fome
Por: amauri valim

De fome ou de sede são todos vítimas da ignorância e dos
poderes dos soberbos; povoam os pátios, tanto quanto os
próprios lixos. Assim como os ratos as moscas por poder
de sobrevivência.
Os lixos que saciam a sede e a fome desses seres vêm
dos grandes pátios dos poderes políticos, dos anciões soberbos
vestidos de homens. Para os homens de poder de influência “lixo é lixo”,
restam aos homens de ignorância cultivada os lixos como alimentos.
A voracidade da fome dos homens não distingue o paladar nem o torna
rejeitável esse lixo como alimento; pois suas necessidades são superadas
e saciadas. Por Deus! O que se pode esperar do bicho homem?
O homem prostra-se diante dos altares da salvação por fome e sede,
mas, o que o homem pode esperar de Deus? São os homens as vítimas
dos víeis das etnias, dos poderes das políticas e dos anciões.
Salvem-se deles! Se puderem.
Mesmo sendo os lixos, alimentam estômagos e cérebros,
o estupefazem na fé e na esperança por um novo lixo no próximo dia.

amauri valim
Inserida por amaurivalim
1 compartilhamento