Pequenos Gestos

Cerca de 247 pequenos Gestos

Muita gente gosta de afirmar, em voz alta, que faria “qualquer coisa” por amor. Vocês já devem ter ouvido isso. Talvez até tenham dito a frase novelesca. Faz parte da nossa cultura. Outro dia, vi um rapaz dizer em rede nacional de televisão, com a maior naturalidade, que “mataria e morreria” por amor. O autor do exagero devia ter uns 18 anos, talvez menos. Deu vontade de rir, de tanto drama. O jovem Romeu da Tijuca ainda não descobriu que a melhor forma de amor se pratica entre vivos – preferencialmente em liberdade, que não estão na cadeia, presos por assassinato.
Isso não quer dizer que o amor não faça exigências terríveis. Eu mesmo já fiz cafunés de madrugada, cocei costas e apliquei massagens nos pés até ficar com as mãos exaustas. Por amor. Já lavei pias repletas de louça, fiz comidas sofríveis, fui ao mercado no domingo, tirei dinheiro do banco às sete da manhã e levei o lixo para fora vezes sem conta. Por amor. Já viajei ao exterior, dirigi até a praia, dancei até de madrugada e cantei até ficar rouco. Por amor. Alguns dirão que me faço de vítima. A verdade é que, por amor, já tomei vinhos excelentes, já comi em restaurantes caros, já assisti a espetáculos inesquecíveis e já comprei presentes que, só de lembrar, me enchem de alegria – e de uma vaga melancolia financeira.
Se alguém disser que isso tudo é pouco, talvez tenha a cabeça tomada por grandezas. Ou ache, como o Romeu da Tijuca, que amar é coisa de matar ou morrer, verdadeira luta com facas. O grande amor, ao contrário, é feito de miudezas. São gestos cotidianos, olhares cúmplices, uma mão que passa pela nuca e toca os cabelos enquanto a mulher que você ama conversa com outra pessoa. Amor também é feito de desejo, e a cada tanto exige a reafirmação de uma suave encostada - na pia, enquanto ela coa o café – e da barriga que toca o calor da outra barriga.
Esses sinais mostram amor como a temperatura denuncia a febre. Mas não são tudo.
Há também a conversa que atravessa os dias e dá sentido aos fatos da existência. E a lealdade, que permite contar com o outro nas horas sombrias. Ela impede que a gente se sinta sozinho num mundo de multidões solitárias. Não se pode esquecer a sacanagem, claro, sem a qual o amor morre de tédio. E o riso, em cuja ausência a morte se aproxima. No amor, se dizem as palavras mais doces, se dão os abraços mais ternos, se enxugam as lágrimas mais tristes, se grita, se geme. Nele, a gente se comove como o diabo. Em nada disso há heroísmo. Apenas a vida, em seus milagres comuns.
A única real grandeza do amor está em sua imensa vocação de fazer o outro feliz. Um dia depois do outro. Isso exige atenção, desvelo mesmo, e coisas como imaginação, tirocínio, esforço. Às vezes até sacrifício. O outro é tão complexo – tão desgraçadamente parecido conosco – que, às vezes, não sabe o que deseja e o que precisa. Conta conosco para iluminá-lo. Há que estar lá, portanto. Há que tentar entender com o coração e com as mãos, que apertam, seguram, amparam e acariciam.
Se me perguntam o que eu faria por amor – já me perguntaram, de outras formas –, eu responderia, como os portugueses, imenso. Cada vez mais, na verdade. Com calma e determinação, juntos, sem grandiloquência. Assim se lida com as coisas essenciais da vida. O amor, entre todas elas.

Ivan Martins
Inserida por mirellanmeira
1 compartilhamento

Uma folha que cai, um vento que sopra, uma flor que cresce. Muitas vezes nem damos importância a coisas tão simples e não paramos para pensar na importância e o modo como isso reflete em nossas vidas. Pequenas palavras, pequenos gestos.. Um cumprimento, um abraço, um sorriso.. Pode parecer insignificante mas, é a falta de atos como esse que muitas vezes faz nosso humor oscilar e não proporciona um momento de felicidade na vida de uma pessoa que carece de atenção, respeito, amor.. São atos "insignificantes" que nos torna mais humanos, mais calorosos... Atos que se tornam cada vez mais raro, escasso, e, por consequência, mais precioso..

Fabiana Andrioli
Inserida por BIAfabiiana
1 compartilhamento

As coisas maravilhosas habitam nas pequenas delicadezas da vida. Estão nas miudezas e nos gestos pequenos, suaves e simples que muitos não se dão nem conta.

(Callegari)

Valdir Callegari
Inserida por ValdirCallegari
1 compartilhamento

Sabe, eu gosto de um singelo Oi pela manhã, mas amo e não dispenso aquele "boa noite, durma com os anjos", isso é um como um remédio natural por uma ótima noite de sono relaxante, é ponte pra um sorrir pela manhã.

Não gosto de nada exagerado e que fiquem me bajulando, mas te falar, amo atenção atenciosa, aquele que é dada sem ser exigida, as vezes sem ao menos precisar, de quem realmente importa.

Ah, eu amo acordar sorrindo sem motivo, me sentir em paz e aproveitar o "domingo". Pq esse sim, é o melhor dia da semana, dia em que famílias se reúnem, amigos fazem churrasco, em que você vai ao cinema realmente relaxado, e que "namoramos amando". Domingo é o dia pra se ter " paz".

Acordei hoje me sentindo "eu", e de coração, não tô afim de me desprender de SER.

Uma pétala de flor dada, pode ter um significado maior que um buquê de rosas. Tudo depende do sentimento de quem as dá e de como esse gesto é feito. Pois...
Pequenos gesto, fazem toda a diferença.

Raquel Araujo
Inserida por RaqAraujo
1 compartilhamento

Pequenos gestos podem descrever grandes corações

Caio Luizetto
Inserida por Caioluizetto
1 compartilhamento

Pequenos gestos de indelicadeza, podem causar grande dor.
Vigie

Marieci
Inserida por Marieci
1 compartilhamento

Mude o mundo, mude uma vida com pequenos gestos.

Por Um Mundo Melhor (PUMM)
Inserida por Pepo_
1 compartilhamento

As melhores coisas da vida nem sempre estão em grandes acontecimentos ou momentos triunfantes, mas talvez em pequenos gestos quase despercebidos. Seja sensível e se deixe emocionar. Essa vida é curta!

Rodrigo Machado
Inserida por rodrigomachado42

17- Amizade

São nos pequenos gestos que o amor, amizade
Vem se achegando aos corações e se aliam
Aos Sentimentos em COMUNS...!

Diana Rios
2 compartilhamentos

Pra hoje?
Valoriza os pequenos gestos, se concentra nas atitudes que movem o seu mundo.
Aposta nos sorrisos que pode distribuir, nos abraços gratuitos que podem emanar paz. Invista na fé transformadora.
Na esperança que faz germinar novos impulsos.
Vista a vontade de ser, de fazer e de acontecer.
Sem essa de alimentar medos e criar empecilhos.
Construa alicerces seguros que o mantenham de pé quando a vida sair do eixo..."

Marcely Pieroni Gastaldi
2 compartilhamentos

[…] É que os pequenos gestos são mais verdadeiros diante das grandes demonstrações e das grandes promessas de amor que com o tempo se perdem. O vento sopra, e leva tudo embora. A verdade é que o que mais dá saudade são os pequenos detalhes, não é verdade? O jeito único de algumas pessoas, porque são os pequenos gestos, os mais marcantes, os mais inesquecíveis. É dentro das pequenas coisas que o amor tá escondido, dentro dos olhares, no calor de um abraço, no breve aperto de mão, no aconchego. São nos pequenos detalhes que a gente se sente amado, querido, é através das pequenas coisas que a gente percebe quem gosta de verdade da gente.
Pequenos flamejos me fascinam, pequenas estrelas me conquistam. Luz demais ofusca, luz demais irrita. Gosto do pequeno, do frágil, do único, do efêmero. Por mais insignificante que um grão de areia seja, um por um, eles forma uma bela praia. De estrela em estrela, o universo se compõe e de gesto em gesto, o amor se forma.”

Fragmento de texto. O Escritor
2 compartilhamentos

"O amigo gosta de surpreender o outro com pequenos gestos. Coisas aqui e ali que roubam um sorriso, um abraço, um suspiro. É tudo puro, é tudo lindo." @Gabriel_Chalita

Gabriel Chalita
2 compartilhamentos

"O amigo gosta de surpreender o outro com pequenos gestos."

Raf (desconhecido)
2 compartilhamentos

As palavras, os momentos, a alegria, surgem de pequenos gestos. Edificam o futuro e emanam poder de transformar o incompriensível.

Bruno Raphael da Cunha Dobicz
2 compartilhamentos

É incrível como uma pessoa pode nos trazer tanta alegria: pequenos gestos, alguns sorrisos, doses de carinho, abraços apertados, uma pitada de compreensão e muito respeito, assim, está aí o resultado: Boas amizades

Alexsandra Zulpo
2 compartilhamentos

São os pequenos gestos que elevam os sentimentos a altura da nobreza e assim se faz inesquecível por surpreender a simplicidade.

Dani Leão
2 compartilhamentos

Tudo que é bom, vem de pouco a pouco!
O amor nasce de pequenos gestos, e vai crescendo se transformando em amizade, companheirismo, afeto e carinho.
Crescendo pouco a pouco, e marcando a vida de todos aqueles que o sentem!
Paixão não é amor! mas se bem cultivada, passa a ser! e render bons frutos de um relacionamento feliz e saudável!

Leonardo Pina
2 compartilhamentos

A verdadeira sintonia do amor...
Pode ser encontrada facilmente...
Nos pequenos gestos do dia a dia...
De duas pessoas que se amam de verdade.

A verdadeira sintonia do amor...
Pode ser encontrada facilmente...
Mesmo nas poucas palavras pronunciadas.

A verdadeira sintonia do amor...
Pode ser encontrada facilmente...
Em um simples olhar apaixonado...
Só vivenciado por quem ama com paixão.

A verdadeira sintonia do amor...
Pode ser encontrada facilmente...
Simplesmente entre dois seres por Deus abençoados...
Que poderiam ser chamados apenas por Almas Gémeas

michele e haroldo
2 compartilhamentos

“Mas esse é meu jeito de amar, amo calada, amo com olhares e pequenos gestos.”

Desconhecido
2 compartilhamentos

Belas palavras geram um impacto superficial, mas os pequenos gestos me conquistam.

Alan Rodrigues
2 compartilhamentos