Fernanda Clarice: Saudade Não tem começo nem fim, você...

Saudade
Não tem começo nem fim, você não sabe quando chega ou quando vai embora, não tem classe social, não tem idade, não tem cheiro, não tem cor, é abstrato, é sentimento, é triste, é amor, amor por algo ou alguém que não é, que já foi, que nunca será, que pode ser ou que é seu, é algo inexplicável e com tantas definições, é infinito, até você encontrar o motivo dela, ai ela acaba, ela some, ela perde todo o sentido, e é transformada em amor, e quando ela não cessa tem dois outros motivos, ou a razão dela esta no céu, ou esse alguém não te pertence, e quando for por isto é necessário a transformação desse sentimento em lembranças, nas boas lembranças.Olhe a saudade sempre pelo lado bom e pelo ruim, pois a saudade mata, a saudade cura, a saudade é pura, a saudade mente, a saudade é sua, minha, é coisa da gente, não se julga pelo tamanho, não se pede, e aí você acaba encontrando um pedaço do seu amor em cada parte de tudo que vê, em cada pedaço do céu e em cada olhar, mas passa, tudo passa, mas não deixe ela tomar conta de você, coloque ela para fora, chore, pois uma hora ela chega ao extremo, aperta o coração, e escorre pelos olhos, e acredite um abraço cura tudo, e esse é um dos antídotos desse sentimento lindo e cruel que chamamos carinhosamente de saudade !

1 compartilhamento
Inserida por FernandaClarice