Paulo Genro Fh.: Eu joguei esse amor ao vento, com medo,...

Eu joguei esse amor ao vento, com medo, fechei os olhos molhados e pedi pra que ele não se dissipasse com a brisa. Alguns momentos depois eu estava ainda de olh... Frase de Paulo Genro Fh..

Eu joguei esse amor ao vento, com medo, fechei os olhos molhados e pedi pra que ele não se dissipasse com a brisa. Alguns momentos depois eu estava ainda de olhos fechados, sem saber o que houvera acontecido, hesitando abri os olhos, devagar, bem devagar, e percebi que ainda pairava no ar todo aquele sentimento tão bonito, e, para minha surpresa, havia ali uma força, que antes eu não conseguia enxergar. E, nesse momento, toda a insegurança que me tomava, ela sim, foi-se embora com a brisa, ficou a certeza de um amor, um amor que não permite espaços, tão menos permitirá o abandono, um amor bonito e forte, insolúvel, verdadeiro.

1 compartilhamento
Inserida por paulogenrofh