Julianna Galvão: Nesse caso, eu quero que os dias que eu...

Nesse caso, eu quero que os dias que eu não esteja ao teu lado sejam emergenciais e rápidos como a luz. Quero que nos dias que o amanhecer for nosso, o mundo morra, pare, brinque de estátua e permita que os amantes usufruam da maior energia carnal e mental existente. Em tais dias, vamos brincar de pega, apenas para ter certeza de como apega. Nem mesmo citaremos o esconde-esconde, em reverência ao meu pobre coração, que já procurou demais. E por fim, mas não por último, brincaremos de queima. Incendiados de paixão e cinzentos por culpa desses nossos pensamentos em erupção ininterrupta. Aqui no vulcão da minha mente, almejo viver algo com outra pessoa mesmo, entende? Pois minha relação com a minha imaginação fértil já está saturada. Quero ter em mente e temperatura uma memória sempre recente, que não demore muito para ser renovada, que não me mate de aflição. Preciso ter o poder de suprir tua carência e alimentar nossa essência. Pretendo fermentar o significado da palavra "amor" no mundo.

1 compartilhamento
Inserida por juliannagalvao