Contando carros azuis Deveria ter sido... Dishwalla

Contando carros azuis


Deveria ter sido no meio da tarde
Poderia dizer o quão distante a sombra de uma criança estende-se
Ele andou com um propósito
Em seus tênis, descendo a rua
Ele tinha muitas perguntas
Como uma criança geralmente tem

Ele disse
"Me diga, o que pensa sobre Deus?"
"Me diga, estou muito longe?"

Deveria ter sido no final da tarde
No nosso caminho o sol se libertou das nuvens
Nós só contamos carros azuis
Pulamos as rachaduras da rua
E fazemos várias perguntas
Como uma criança geralmente faz

Nos dissemos
"Me diga, o que pensa sobre Deus?"
"Porque eu gostaria de conhecê-la de verdade
E perguntei a ela por que nós somos o que somos

Me disesse o que pensava sobre Deus
Porque estou na minha para vê-la
Então me diga quão distante
Quão distante estou agora?"

Está ficando frio diminuindo o passo
Como nossos sapatos fazem barulho neste lugar
Nossas roupas estão sujas
Passamos por muitas pessoas zangadas
E fizemos muitas perguntas
Como uma criança geralmente faz

Me diga, o que pensa sobre Deus?"
"Porque eu gostaria de conhecê-la de verdade
E perguntei a ela por que nós somos o que somos

Me disesse, o que pensava sobre Deus
Porque estou na minha para vê-la
Então me diga quão distante estou agora?"
Estou muito distante agora (3x)

(2x)
Me disesse o que pensava sobre Deus

1 compartilhamento
Inserida por lilou