Karla Tabalipa: Quando uma pessoa deixa a gente, é...

Quando uma pessoa deixa a gente, é engraçado, mas por mais que o amor demore a ir embora também, um dia ele vai. Com o fim do relacionamento, nada dura pra sempre dentro de nós. Nem o amor, nem a saudade, nem as mágoas. É, eu sei, algumas pessoas só guardam mágoas dentro de si, mas eu me recuso a ocupar espaços de mim com sentimentos ruins.


Pensamento positivo esmaga o rancor. E eu mentalizo momentos melhores e passo a acreditar neles, até que um dia, eles virem realidade. Não é pra ser feliz que a gente vive? Alguém disse isso, e eu? Eu concordo e faço valer.

Me disseram que, se eu perdoei, é porque não me importo mais. Mas eu sempre me importo. Não gosto de olhar pra trás e poder contar inimizades, principalmente com quem fez diferença na minha vida.

Mas eu, como boa geminiana que sou, acredito em felizes para sempre, ao mesmo tempo em que acho que nada dura eternamente. E da mesma forma que os sentimentos vão, eles podem voltar.
Sim sim, a velha história do mundo que gira, e que nada nessa vida é permanente.
Tem tanto amanhã pela frente! E se tem uma coisa que a vida gosta de fazer com a gente, é surpreender. Então eu não digo esqueci ‘pra sempre’, ou ‘nunca mais’ nós dois. Até o primeiro namorado pode voltar e ser o último.

Até uma amizade adormecida, pode ser meu maior suporte em um dia difícil.
No amanhã moram milhares de possibilidades e eu não digo nunca pra nenhuma delas. Eu escolho alguns caminhos, evito outros, mas sei que muitos deles o destino é quem escolhe por mim.
Então, que seja o que tiver que ser. Mas que seja leve. Que seja doce. E que tenha fé.

E que venha o futuro e nos surpreenda, trazendo pra nossa vida dias cheios de sorrisos e coração sempre em paz.

1 compartilhamento
Inserida por tabalipa