Rayme Soares: OUTRA ESTAÇÃO II Devaneios e anseios...

OUTRA ESTAÇÃO II


Devaneios e anseios
Um tonto que ainda crê
Que houve aquele amor
O louco por você

Um beijo na beira da noite
Ribeira do rio do caos
Quase enlouqueci no açoite
Do vento nas velas das naus

A firmeza ao declarar seu sentimento
Repetidas vezes a confirmação
Por que sua mão em minha nuca?
Porque é mesmo tudo ilusão!

É, é tudo exatamente assim
Pra chegar, brilhar e ferir
Arvorei-me a amar e paguei
O preço de sozinho seguir.

1 compartilhamento
Inserida por RaymeSoares