Ubirajara Oliveira: Armando ficou parado olhando com...

Armando ficou parado olhando com atenção a enfermeira Patrícia colocar a estrela no alto da arvore de Natal.
Foi com muita alegria que recebeu o convite dela para ajudar na arrumação do símbolo. Era bom se sentir útil de novo. E assim colaborou. Bola por bola. Estrela por estrela, até que terminaram.
Patrícia, então, equilibrou o objeto, olhou para Armando com um sorriso e disse:
- Pronto "Seu" Armando, acabamos.
Armando não respondeu. Continuou alí parado olhando para a arvore. Patrícia que há anos trabalhava no asilo, conhecia a realidade de cada um interno e o quê a data representava. No caso de Armando, era a solidão. Foi internado há dois anos e desde então só recebera duas visitas do filho, um famoso médico da cidade. Não ousava tentar vislumbrar as muitas lembranças que passavam como um filme na mente do octogenário.
Até que...
- Seu Armando! - Chamou com um pouco mais de energia.
Ele, ainda, não atendeu.
Ela desceu da pequena escada e segurou o braço dele.
Foi quando Armando olhou e disse-lhe:
- Muito obrigado minha filha. Obrigado mesmo. Sabe? lembrei-me dos tempos em que tinha minha família e que fazia da arrumação da Arvore de Natal, um evento especial. Mas com o tempo, tudo passou e depois de todos estes anos, você me proporcionou viver de novo algo especial. Arrumar mais uma vez uma Arvore, foi uma experiência que me trouxe muitas recordações. Muito Obrigado e Feliz Natal!
Armando terminou a fala limpando os olhos das lágrimas que insistiam em molhar seu rosto, enquanto virava o velho corpo e se dirigia ao seu quarto. Patrícia não conseguiu responder. Sorriu um sorriso de choro em meio a emoção de também viver um... Feliz Natal.

2 compartilhamentos
Inserida por jornalistabira