Rayme Soares: CARRETEL DE LINHA (Carlinha) Pele de...

CARRETEL DE LINHA (Carlinha) Pele de lã, longe (Branquinha, seja minha) Enigmaticamente não chega E tudo lhe faz rainha Quando aparece, cega E cego, navego na r... Frase de Rayme Soares.

CARRETEL DE LINHA (Carlinha)

Pele de lã, longe
(Branquinha, seja minha)
Enigmaticamente não chega
E tudo lhe faz rainha

Quando aparece, cega
E cego, navego na rede
Um pescador não nega
O que de fato lhe mata a sede

Carretel de branca linha
Tece o tecido da flor
Encarcera a vontade minha
De sentir do seu corpo o olor

Negros cabelos distantes
Percebo a avidez dos ventos
Por seus fios brilhantes
Quem sabe isso fosse um alento.

1 compartilhamento
Inserida por RaymeSoares