Bru Bessa: Benção, vó... Já faz um tempo que eu...

Benção, vó...
Já faz um tempo que eu não escrevo pra você, mas você sabe que habita meus pensamentos constantemente... Ontem eu senti a sua falta novamente, senti uma saudade que me fez querer chorar, mas eu não podia, pois eu sei que você está bem agora, e é nisso que eu tenho que acreditar... Eu senti saudade do seu abraço, até da sua voz. A memória realmente é falha, às vezes me custa um tempão lembrar do som que fazia a sua voz, da cor dos seus olhos e do calor dos seus abraços... Fazia de tudo para nos agradar e sempre querendo ajudar todo mundo, a vó acolhedora, na qual me orgulho tanto de ter tido. abe vó, geralmente eu busco a minha tranquilidade e a minha paz em um alguém muito especial que apareceu na minha vida, e que tem me feito muito feliz todos os dias, mas quando é justamente esse meu 'porto-seguro' que está "temporariamente danificado", eu busco você. Penso em você e sinto vontade de chorar, e choro. Deixo que saudade cubra o meu coração fazendo com que ele desabafe seus medos, suas aflições e tudo àquilo que está incomodando-o. Vó, você sempre me traz paz, serenidade, me sinto protegida quando penso em ti. sinto o calor da sua presença velando meu sono, apaziguando meu coração e afastando os pensamentos e sensações ruins... meu ser de luz. Sua vida foi muito sofrida, foi muito difícil, e eu tenho orgulho de você, tenho orgulho por saber que é tão forte, tão guerreira, tão inabalável. Foi difícil, eu posso imaginar, mas tudo fez de você essa pessoa absurdamente maravilhosa.
Vou confessar que até pra escrever pra você é difícil, tenho que parar, esperar que as lágrimas se acalmem e se contenham dentro dos olhos e continuo... Sabe, eu não tenho certeza se deixei explícito o quanto eu te amava, até porque, nem eu tinha noção da intensidade desse amor, eu queria poder ter feito diferente, queria poder ter deixado minhas futilidades de lado e te ofertado mais abraços, queria poder ter olhado em seus olhos mais vezes e dizer o quanto eu te amo. Deixei de dizer com palavras, mas digo com coração, é você quem está me segurando hoje, é você quem está me mantendo firme desde ontem. Eu tenho medo de muita coisa, vó, principalmente de perder as pessoas que eu tanto amo, eu suportaria qualquer dor, mas não sou capaz de conviver com a dor da perda, já faz quase um ano desde que você se foi, ainda assim, parece mais presente do que antes, estará sempre e sempre dentro do meu coração, eu preciso de você dentro dele, e preciso que segure minha mão quando eu estiver me sentindo assim, perdida e um pouco sozinha. Eu queria que você soubesse que eu a amo e pedir que não saia da minha vida, preciso da tua Luz pra me guiar e me proteger.

1 compartilhamento
Inserida por brubessa