GABRIEL BINATO: ARTE DO AMOR As palmas anunciam o dever...

ARTE DO AMOR
As palmas anunciam o dever cumprido, o reconhecimento do próximo sobre a imaginação do artista. Como um surto de arte resplandecente sobre o delírio coletivo da platéia, onde cada gota de suor e cansaço agora tem o peso e o valor do ouro. Uma energia transmitida através do prazer da observação onde todo ensaio agora pode ser visto sem nenhuma imperfeição. O espírito que domina o corpo agora deixa a vista as suas habilidades e se manifesta de diversas maneiras em cada qual com um dom diferente, podendo ser reconhecido na forma de música, dança, arte ou poesia, onde tudo faz parte da mesma obra de Deus, porém estão representadas em diversos atos de expressão.

Todos somos sementes do mesmo fruto, quando provado temos o mesmo gosto,talvez o que mude é o teor de paixão por aquilo que fazemos por isso alguns tem o gosto mais doce e outros mais amargos. Como presente vindo de Deus, toda arte é eterna ao tempo e ao momento, criando barreiras que se tornam impossíveis de se transpor, pois basta um olhar e a vontade de admirar, que cada linha do pincel feita sobre a tela se transforma em vitrine surrealista, como uma janela aberta do presente rumo à vanguarda do passado. Atrevido o pintor com seus olhos atentos aprisiona a paisagem em forma de arte, uma fotografia criada pelas mãos humanas, porém conduzida por um espírito de amor e criatividade, que permite descobrir dentro de cada pessoa um genuíno artista, bastando apenas à vontade de fazer para colocar o talento em movimento.

Chegou a sua vez de ser aplaudido, portanto deixe o espírito da criatividade consumir seu corpo e sua mente para poder testemunhar que a sua vida nunca mais será como antes. Conquistando sua imortalidade passando para um estágio além da matéria porque corpo parte, mas a arte é eterna. Seja através da música, que invade nosso corpo pelos ouvidos e contamina nossa alma com uma imensa vontade de dançar, cantar ou recompor lembranças que marcaram fortes momentos de amor e paixão. Não tenha medo do mundo não entender a sua arte de viver, porque Deus que conduziu cada movimento do seu corpo e esse é seu propósito na Terra.

Por isso desejos queimam dentro do seu coração, seguido de uma ansiedade sem explicação, vontade de realizar algo e não se sabe o que, como um sonho que salivando está prestes a nascer. E não importa o que faça nada irá suprir a satisfação da ausência do seu propósito, por isso desperta para ser aquilo que Deus destinou você a ser. Sendo lindo, eterno e louco pelo amanhecer transpirando inspiração e sendo alvo de criatividade e motivação, pois toda arte vem de Deus pelos surtos e delírios de nobres corações.

10 compartilhamentos
Inserida por AnaBarcarolo