Sidiney Breguêdo: A LÍNGUA vamos maltratar esta língua....

A LÍNGUA

vamos maltratar esta língua.
Vamos começar a frase com
O pronome oblíquo,
Pontuar as letras com cocô de rato.
Vamos descumprir todos os tratos.
Precisamos ignorar a norma culta,
comer sem descascar essa fruta,
Porque assim, de fato,
Vamos nos alimentar.
Vamos esquecer os pontos, as vírgulas,
Vamos cortar à mão mesmo,
Sem tesoura.
Devemos fazer algo que não seja
Tão reto...
Vamos esquecer o correto.
Vamos assassinar a professora
Que chamávamos de tia.
Escola da ditadura
Não pode ditar a nossa cultura.
Vamos fazer o texto sem
Assinatura.
Letras podres ou maduras,
Que importa?!
Nossa língua,
A do povo,
Já está toda torta.
Essa é a nossa lei e o nosso lugar!
Vamos falar tupi com sotaque nordestino,
Isso vai soar bonito
Como o som de um violino
No ouvido europeu.
Vamos ignorar o tempo e o verbo.
Vamos retirar do vovô o chapéu.
Vamos chamar mundo de mundéu
E mundano de soberano.
Ao poder com o povo,
Porque o único poder que conheço
É o da língua.

1 compartilhamento
Inserida por breguedo