Vanessa Ribeiro: E mais uma manhã, eu acordei com...

E mais uma manhã, eu acordei com aquelas dores no estômago, aparecem sempre que você tira minha paciência, tira meu sono, acaba com minha noite, e amanheço desiludida para um bom dia.
Cansei das perguntas, quero respostas, começando por quem é você?
Se o tempo parasse para nós, escolheria estes últimos dias, você me iludiu, inventou algum personagem e tudo parecia fantasia, perfeito. Mas para variar, eu acordei.
Mais um belo tombo, estou me segurando e tentando me enganar que para este, eu estava preparada. Não doiu, não doeu, vou enfiar isso na minhca cabeça.
Eu já não sei mais o que fazer para abrir teus olhos, para que você enxergue o quanto as pessoas te pisoteiam, eu sempre aqui, tentanto te alertar, e você cegamente, sendo enganado. Deixei tudo de lado por você, mas agora não dá, você não teus olhos para quem realmente te quer bem, e eu já não aceito mais caminhar nas tuas vontadfes.
Você lembrará de mim um dia, o pior é saber que lembrará, e se lembrará de cada mal que me provocou, cada dia que não valorizou, cada briga e cada adeus que você questão de dar.
Mas agora eu vou voar, te esquecer, lembrarei e me arrependerei de cada vez que você no seu adeus me deixou chorando, e a cada volta que eu não deveria ter dado espaço.
Já não dá mais para nós, você não aceita minha proteção, assim como eu abri os olhos que sempre me cuidei sozinha. Sarei cada ferida tua sem ajuda de ninguém, e estou aqui, então o desamor, eu já sei, não me maltrata mais.
´Seguro as lágrimas, seguro fortemente, doem por dentro. Mas não cairam, não é hora de cairem. Para que se você não merece?
Estavámos indo tão bem, ilusão minha, sonho meu.
Você se deixou levar pelos outros, te cegaram, você é o bobo da corte deles.
Agora me restam lembranças, recordações, mas tenho certeza, daqui a pouco nem isso existirá. hoje eu já sei que é possível viver, mesmo com todo este sentimento dentro de mim, mesmo com toda esta dor da distância, eu sei que é possível viver sem você. Eu sei que sou capaz de superar, superar você.
Tenho que colocar na cabeça que você não seria para mim, que não era a pessoa certa, a metade inteira da laranja. Meus pés, mesmo parecendo sem apoio algum agora, continuarão firmes, no chão, a procura, sim a procura de um amor para curar este desamor. Gostar de quem gosta de mim, mesmo que para isso eu tenha forçar algo, forçarei, cedo ou tarde virá um sentimento, e ai, vou amar e dar valor a quem me queira bem, a quem cuide do que tem.
Cansei de esperar promessas ao vento, esperar tuas mudanças e cansei de esperar que me enxergasse como a mulher pefeita. Você enxerga apenas o que quer e na hora que quer!
Não vou mais esperar, vou me adiantar, futuro para quê? você fazendo mais parte do meu presente já é o inicio. Procurei saidas num labirinto, já chega!
É hora de acordar, e não mais cair por este amor de rocha. Nunca existirá só você e eu. Palavras escritas, expostas. Atitudes falhas.
Eu tenho um sonho, mas a real é que talvez ele seja para que eu sonhe sozinha.
Lembra que o plano era estarmos bem agora? Estavámos, sinta-se feliz, eu lhe dou os meus parabéns. Não tenho culpa de nada, e estou grata a mim mesma por me afundar mais uma vez nessa solidão a dois. Me fartei de você errado achando que não errou.
Basta-me achar que não signifiquei nada, além de um jogo, bola pra frente, hoje de você jogar sozinho. Já chega.
Não cansei de amar, cansei de me iludir.

1 compartilhamento
Inserida por nessaribeiro