Catarina Britto: REATOLOGIA Será que um dia seremos um...

REATOLOGIA


Será que um dia seremos um ser digno de respeito?
Será que um dia nossas dúvidas diante a vida terá conclusões?
Será que um dia a maioria se contentará com a minoria?
Será que um dia os pensamentos do passado será gerado e compreendido novamente?
Será que um dia si próprio voltará formar sua própria personalidade sem influencias alheias?
Será que um dia as negatividades geradas acima do mundo, dos seus habitantes racionais passará?
Sonho que o mundo se tornará como quero, mesmo isso sendo um ser próprio se ludibriando, creio que com isso amenizará a culpa, o desgosto, até o gosto de viver ao redor desta lacuna, onde tento me esquivar a todo o tempo, distrair e preencher meus ideais com pensamentos positivos, relativos e que exponha para o meu próprio ser, minhas opiniões e conclusões a respeito sobre a vida em modo geral: EU, TÚ, ELE, NÓS, VÓS, “TUDO”.
Se o mundo não tem jeito, ou não querem mudá-lo, se contentam com esse “lástimas” que poucos, são exceções, então contudo faço o meu próprio mundo até para consolidar minha alma, sentir-me melhor em um mundo interior, que me alivia e consigo trazê-lo ao mundo exterior, em formato literário, que só o próprio autor consegue compreendê-lo totalmente, sentir intensamente o poder de cada palavra postada e assim, tirar suas conclusões:
QUE INFELIZMENTE ESSE MUNDO INTERIOR, FOI FORMADO PELO MUNDO EXTERIOR.

1 compartilhamento
Inserida por catecalegari