Izabela Galvão: De Tati para Jm "A eternidade do...

De Tati para Jm "A eternidade do amor" Ah, se a eternidade do amor te trouxesse de volta! Ah, se a tua partida não me deixasse tão sozinha! Desde a do... Frase de Izabela Galvão.

De Tati para Jm
"A eternidade do amor"

Ah, se a eternidade do amor te trouxesse de volta!
Ah, se a tua partida não me deixasse tão sozinha!
Desde a dolorosa mudança descobri, amor meu, o real sentido da expressão "uma só carne".
A carne que por metade se encontra.
Metade, sim, metade que pulsa sozinha, metade sem o teu todo.

Eternidade!!! Oh, eternidade quero meu amor de volta!
Amor que corajosamente amei e continuo a amar.
Oh, morte cruel que levou o amor meu, a metade do meu luar
Hoje, eternamente, hoje, para sempre, hoje, a metade do meu ser dorme sem o teu pulsar.
Oh, amor dos meus olhos, quanto amor te tenho, mas a eternidade não permite de contar!
A eternidade sepultou o corpo, mas não conseguiu matar a beleza do brilho do teu olhar.
Ah, morte, morte cruel!
Amarei- te até os meus dias findar!

1 compartilhamento
Inserida por izabela_galvao