Jefferson: Quando Mário Quintana revelou esse...

Quando Mário Quintana revelou esse relato filosófico sobre as borboletas ele foi sútil, justamente pra não lhe dizer cuide de sua aparência, cuide de sua intelectualidade, cuide de sua estética de se vestir e portar diante de pessoas e eventos, cuide de sua alimentação, cuide em estar e se sentindo bem diante de todos e de tudo, pois muitos vão querer esse segredo de revelar tanta beleza equilibrada em simplesmente ser, e sendo assim terá atenção de muitos podendo escolher a suposta (candidato ou candidata) para ir viver em seu jardim (mundo), e infelizmente alguns pobres pensadores usam para dizerem o que acha que é sensato a respeito do relato de Mário Quintana, pelo amor de Deus vai mastigar alguma coisa pra manter a boca fechada que é melhor, porém o consolo dessa crítica pobre é que: melhor ouvir, do que ser sudo, e é melhor ver do que ser cego. Resumindo: Esses fatos é para ser o termômetro de como anda as características de mansidão, paciência, benignidade, amor próprio, pois não podemos deixar se levar por qualquer circunstâncias, afinal elas foram criadas para meu controle, e sendo assim encerro minhas falas permitindo que venha as controvérsias do que escrevi, pois isso não irá mudar a interpretação sensata, jeito simples e belo de ver e apreciar grandes coisas escritas por quem quer que seja.

2 compartilhamentos
Inserida por Jeff03041970