Edna Frigato: E continuo a me perguntar se viver não...

E continuo a me perguntar se viver não é apenas um castigo semelhante ao suplício de Tântalo. Uma espécie de copo vazio que nos deixa sempre com sede.

1 compartilhamento
Inserida por ednafrigato