Prof lourdes Duarte: ILUSÕES DE AMOR Profª Lourdes Duarte...

ILUSÕES DE AMOR
Profª Lourdes Duarte


Oh! Ilusão que mantive dias a pós dias
Por um amor que só em meu coração existia
Meus olhos embaciados a sonha vivia
Do ímpeto de um imperfeito amor que me invadia.


Como um cristal morto de um espelho antigo
Meus olhos refletiam minhas ilusões e minha dor
Em forma de amor profundo vivia de agonia
Cega de amor por quem não me correspondia.


Com restos de sonhos e propósitos perdidos
Erguei meus olhos e abri meu coração
Não para quem me alimentou de ilusões
Mas para um grande e novo amor
Que aflorou no meu coração.


A ilusão que mantinha a minha esperança se foi,
Reerguendo-me mais forte, prossigo
Pessoas vem e vão, cabe somente a nós,
Distinguir amor de amizade e não nos iludir
Com amor que é mera fantasia da alma
Ou lentidão duma inquietude de amor.


Com meus sonhos prossigo, entretanto
Ilusões, não as deixo dominar meus ser
Embora fruto de um amor ilusório
Florido sentimento permaneceu
Por muito tempo em mim.


Na profundidade do desencanto.
A ilusão aprofundou meu pranto,
foste doçura do meu coração,
Embora hoje, és apenas lembranças
De uma adolescência que se foi.

*******************
Tem um pensamento lindo de France Marialva ela diz que ,

Ah! O amor nos faz perder o juízo!
Torna adolescentes em adultos e velhos em adolescentes: não existe regra, não existe idade, não existe nada além dele. Se é surpresa para corações jovens, para os mais vividos é um presente dos céus, pois chegou na hora em que não acreditava mais no possível. A esse é dado

Inserida por lourdesduarte