Poeta do Sol: O MEU SILÊNCIO, A TUA CALMA Se o laço...

O MEU SILÊNCIO, A TUA CALMA Se o laço dos meus abraços é teu acalanto, como criança rebelde adormeces vagarosa e na suavidade dos meus braços tu suspiras; balbu... Frase de Poeta do Sol.

O MEU SILÊNCIO, A TUA CALMA

Se o laço dos meus abraços é teu acalanto,
como criança rebelde adormeces vagarosa
e na suavidade dos meus braços tu suspiras;
balbucias a pronunciar uma história amorosa.

Ao cair a noite, na escuridão eu sou teu anjo,
te protejo dos perigos que nela se escondem;
me sinto um guerreiro que por ti vai as lutas,
que não tem medo de guerras e da desordem.

O amor e o coração são os conflitos da alma
roubam a paz, anestesiam todos sentimentos
deixando inebriados de paixões nossos egos,
tornando cálidos nossos corpos e momentos.

Ao acordares, saiba que adormeceste comigo,
que ao meu corpo confiaste em entrega teu ser.
Claro que sabias a grandiosidade do querer-te
em devoção. Nada no mundo será maior que meu querer.

DEDICO ESTE POEMA AOS MEUS SONHOS DE POETA.

1 compartilhamento
Inserida por poetadosol