Islene Souza: Couraça Tá vendo aquela mulher forte,...

Couraça

Tá vendo aquela mulher forte, decidida, capaz ; pois é... ela é aquela mesma menina insegura de uns anos atrás. O tempo vai passando a menina se escondendo e na faixada fica exposta apenas o que ela quer que os outros vejam, mas acredite se quiser por trás de toda aquela carcaça existe sim uma sonhadora que vibra, pula, grita e deseja a felicidade como uma criança.
A sociedade condena os sonhadores e com isso eles vão morrendo aos poucos,sufocam-se em uma vida indesejada acreditando estarem a fazer o certo, agradando cada vez mais uma classe infeliz e consumista com uma mentalidade ultrapassada que acredita na força dos braços e do dinheiro, menos no amor.
Os sonhos ficam obsoletos e o que vale não é o sorrir verdadeiro, mas o tamanho da sua conta bancária e quantos ' amigos ' conseguiu reunir na noite passada..Triste, mas quando chega o desemprego para onde eles vão? E olha que tem muitos por aí que já sentiram esse abandono. Entre eles :país que mesmo depois de terem passado por situações semelhantes, ainda assim esquecem os valores que realmente fazem a diferença na vida de seus filhos. Não há tempo para conversas em família, as cobranças são diarias e o isolamento faz cada vez mais parte da rotina deles, sabe aquele que está confuso? Pois é,ele fica cada dia mais perdido e se joga de vez na vida errada, mais uma vida perdida, outra criança corrompida, mais um jovem que empunha a arma, outro usuário de drogas, mais um depressivo que destrói uma família ! E seus pais ficam ali perplexos se perguntando, aonde foi que eu errei ? Chego tarde em casa, trabalho todos o dias, dou o meu melhor, não tive tempo para perceber isso ou muito menos ficar de conversas com meu filho, trabalho muito.
A realidade é dura, machuca e abre feridas que somos incapazes de curar, antes que aconteça com você dê um abraço em seus filhos, demonstre seu amor e o quanto eles tem valor para você. Algumas jóias para se tornarem mais belas precisam ser lapidadas, demonstre a eles o quanto são preciosos, não deixe para amanhã o que pode ser feito hoje.
Sabe aquela criança sorrindo que te pediu colo e carinho, aquela mesma que correu para receber seu abraço quando você chegou cansado ; pois é ela o futuro de amanhã. Faça a diferença em quanto existe tempo. Cuide do que é seu com amor!


Crônica de
Islene Souza
Enviado por Islene Souza em 23/06/2016
Código do texto: T5676046
Classificação de conteúdo: seguro

1 compartilhamento
Inserida por ISLENESOUZA