Hermes Fernandes: A Anatomia de um Abraço Para quê tanto...

A Anatomia de um Abraço Para quê tanto espaço entre gente que se ama? Vem cá, me dá um abraço Deixe de fazer drama! Seja ao luar no terraço Ou ao sol deitado à ... Frase de Hermes Fernandes.

A Anatomia de um Abraço

Para quê tanto espaço
entre gente que se ama?
Vem cá, me dá um abraço
Deixe de fazer drama!

Seja ao luar no terraço
Ou ao sol deitado à grama
Não vai tirar nenhum pedaço
Vem pros meus braços
e se esparrama

Se lhe causo embaraço
Então, por que você me chama?
Tudo bem, eu me refaço
Pra manter viva esta chama

Não vale aqui queda de braço
Se desistir, você reclama
Se quer saber, também pirraço
Você conhece a minha fama...

Isso seria um erro crasso
Como atirar-se em mar de lama
Não vou vencer pelo cansaço
Prefiro amar como se ama

Nem um quadro de Picasso
Retrataria com primor
A anatomia de um abraço
A geometria de um amor

Dizem que isso está escasso
É no deserto encontrar flor
Posso provar-lhe passo a passo
Isso não passa de rumor

O que se faz com um abraço
Não tira só os pés do chão
Põe as batidas no compasso
E faz dos dois um coração

1 compartilhamento
Inserida por HermesFernandes