Celso roberto nadilo: Sob céus sonhos cruéis... Neste apogeu...

Sob céus sonhos cruéis...
Neste apogeu momentâneo...
Sobre minha lápide uma frase de amor...
Esquecido num anoitecer...
Escolhido pelas mãos da morte...
Apaixonei me por sua fria face...
Descentralizada a luz que ilumina...
Sua vida se apagou de uma forma abrupta.
Sem que destino há reconheça meu amor.

1 compartilhamento
Inserida por hellmouse666