Hupomone Vilanova: 17. O amor de um pai é igual a de um...

17. O amor de um pai é igual a de um pelicano, na falta de alimento ele rasga seu próprio peito, misturado com seu sangue para alimentar seus filhotes. O pelicano em sua angústia suporta os últimos momentos as piores dores, morrendo sobre seus filhos, pelo seu amor incondicional de salva-los. Você acha que eu preciso comentar sobre a dor de Jesus Cristo por você?

Reflexôes Chá da Vida.

1 compartilhamento
Inserida por hupomone