Fabiana Barbosa - fabianafb: ESTRELA DO CÉU Na longa estrada da...

ESTRELA DO CÉU
Na longa estrada da vida,
Corri... Corri... Corri...

Adentrei no âmago do meu ser e venci o direito de viver.

Haviam vários, centenas iguais a mim, mas ao olhar para trás não me vi...

Olhei várias vezes, para os lados e não me vi.

Senti a minha existência, a respiração ofegante, a alegria de ter conquistado à vitória, a linha de chegada!

Agora me vejo cercada de calor, um lugar só para mim, meu refúgio secreto, o meu interior!

Ouço vozes, risos, choros... São tantos sons estranhos e confusos.

Não sei definir os sentidos, sentimentos, mas sinto várias oportunidades de levar a essas pessoas alegria, ternura, bondade, sonhos, esperança e fé.

Algo está acontecendo, estou me mexendo, vejo minhas mãos, vejo meus pés, estou sorrindo, eu sou um ser HUMANO! Estou viva.

O calor que sinto é um véu com gosto de amor, encanto e magia.

O tempo é como um vento, passa e nos toca com delicadeza. Sábios são aqueles que acolhem com vontade e garra o direito de viver e ser feliz.

Agora estou nos braços da mamãe querida, ela é linda, um bálsamo para o meu espírito.

Eu me sinto como uma joia rara, onde serei polida com amor e determinação através dos meus pais.

Papai me beija e chora, acabou de ver a sua obra prima concluída, narra em detalhes cada parte do meu corpo, conta meus dedinhos e conclui que o seu projeto é como tal planejou, sonhou... Uma menina loira com buraco no queixo, cabelos lisos, fofinha, igual à que ele havia visto na revista.

Papai é engraçado, mas foi amor à primeira vista, nossos olhares se cruzaram e firmamos laços por toda a eternidade.
Mamãe é carinhosa, chora de contentamento, me pega em seus braços com muita ternura e amor.

Primogênita curiosa em conhecer seus ilustres heróis e apaixonados espelhos!

O amor é alegria que nos faz chorar quando sentimos saudade daqueles que deram o melhor de si em prol dos seus amados.

Eternamente obrigada mamãe e obrigada papai por ser obra do amor de vocês.

Hoje eu os coloco no céu, vocês são minhas “estrelas guias”, quando a noite chega, olho para vocês meus grandes amores.
(Dedicado aos meus pais falecidos: Adilson Barbosa dos Santos e Marlene Ferreira Dias).
(Por Fabiana Barbosa)

1 compartilhamento
Inserida por Fabianafb