Marcela Melo: Eu continuo sozinha dentro de mim Já...

Eu continuo sozinha dentro de mim Já morri e nasci mais de mil vezes Já te amei e deixei de amar mais de mil também Engoli sapos e devolvi rosas Quando me corta... Frase de Marcela Melo.

Eu continuo sozinha
dentro de mim
Já morri e nasci
mais de mil vezes
Já te amei e deixei de amar
mais de mil também
Engoli sapos
e devolvi rosas
Quando me cortaram os pulso
os costurei com a linha do tempo
Quando perdi a batalha
bati a poeira e continuei a luta
Mas continuo só
Cruzei com muitas pessoas
por muitas cidades
Perdi companheir@s
Guardei-@s na memoria
Ganhei mais amigos
Mas continuo só
Muitos me atravessaram
Ascenderam luzes
e partiram
Colecionei livros e amores
E continuo só
apesar das multidões
a cruzada se faz só
se morre só .

1 compartilhamento
Inserida por MarcelaMelomar