Glauciara Silva: Pedaços de mim Porque uma coleção de...

Pedaços de mim

Porque uma coleção de erros se amontoou... Construiu minha essência e experiências. Tive dores e sofrimentos, mas, nada disso me transformou numa pessoa amargurada. Pelo contrário, só acrescentou e me modificou. Pessoas realistas, ousadas e humildes têm minha admiração. A razão? É simples. Vivem intensamente, mas com equilíbrio e cautela. E não é por acaso que me encanto por gente madura. Elas alcançaram um grau de maturidade que lhes dá o prazer de conhecerem a si mesmas de forma mais íntima. Reconhecem os erros e amam a pessoa refletida no espelho. Concordo que nada deve ser pela metade... Mas ser inteiro o tempo todo o cuidado deve ser redobrado. Por quê? Quem fere não sente a dor que deixou no outro.

Comparada com uma flor? Odeio. Nada contra ela. É linda, de beleza única, e essência encantadora, mas é frágil. Isso me dá uma leve sensação de como sou vista. Com fragilidade. E nada de pensar que me conhece o suficiente. Posso simplesmente surpreender. E como nada na vida é por acaso. Aprendo com gente que tem ideias e estilo próprios.

Curto o silêncio. Por isso respeito o silêncio do outro. E nem espero que o mundo se adapte a mim. Quero apenas que me aceitem como eu sou. Barreiras? Não as crio, mas sei bem me valorizar. Entendo um “não” como não... Mas também não desisto fácil. Perfeita? Detesto ser vista dessa forma. Aliás, sou cheia de erros, como todos são. A diferença é que aprendo com eles e mudo o caminho.

1 compartilhamento
Inserida por glauciarasilva