Sonia solange da silveira ssolsevilha poetisa do cerrado: Para onde foram os sonhos dos "anos...

Para onde foram os sonhos dos
"anos passados"
Os dias não contados
Os passos errados
Por onde eu andei..!!

Para onde foram os sonhos que sonhei
Os meus desejos
A minha imensa vontade.
De “ser”..!

Hoje eu vim me denunciar.
Aquela verdade que
me neguei,
O que não realizei.

Onde foi que eu guardei?
O meu recomeço
ourtra vez..
Só mais uma vez .

Lembro vagamente..
que está guardado em
algum lugar do passado
que eu julguei,
condenei,
quase matei..

( Mas impossível ).

Ele ainda vive rondando a memória.
Faz parte da minha história.

De que lado eu coloquei,
Não sei,
porque hoje...
não quero lembrar.
Mas é preciso, resgatar!!

Qual o cofre
Que segredo
Eu escondi,
Pra ninguém saber..!

Onde estão?
vou para arrombar
matar de vez a dor.

Quero me “descobrir”,
tirar a roupa suja,
Me banhar
Chorar, gritar no banheiro
Para ninguém me ver...
“me trocar”!

Para onde foram os meus sonhos.
Foram, amassados
Enrrugados
Amarelados,
empoeirados
pelo tempo..!!

Trancados a sete chaves,
Não sei onde guardei!
Uma coisa aprendi..
A consciência faz com que nos
“descubramos”,
Nos acusemos
E nos declara culpados
Por falta de testemunhas!!


..

1 compartilhamento
Inserida por ssolsevilha