Sonia solange da silveira ssolsevilha poetisa do cerrado: Lembro vagamente.. que está guardado em...

Lembro vagamente.. que está guardado em algum lugar do passado que eu julguei, condenei, quase matei.. ( Mas impossível ). Ele ainda vive rondando a memória. Fa... Frase de sonia solange da silveira ssolsevilha poetisa do cerrado.

Lembro vagamente..
que está guardado em
algum lugar do passado
que eu julguei,
condenei,
quase matei..

( Mas impossível ).

Ele ainda vive rondando a memória.
Faz parte da minha história.

De que lado eu coloquei,
Não sei,
porque hoje...
não quero lembrar.
Mas é preciso, resgatar!!

Qual o cofre
Que segredo
Eu escondi,
Pra ninguém saber..!


..

1 compartilhamento
Inserida por ssolsevilha