G.Reis: "Até a mais bela afrodite inveja a...

"Até a mais bela afrodite inveja a beleza dos seus olhos quando vao de encontro aos meus. Deixarei que as flechas de eros nos atinja em silencio, enquanto rogo a zeus pela escolha do nosso destino. Nos, reles mortais pedindo aos deuses pela junÇao esplendorosa do amor que nos cerca. Esse amor que cega os sedentos pela visao, e que ja nao podem ver mais nada além de si mesmos. Que a visao se transforme em toque, o toque em amor e a utopia em realidade. Vejo e sinto. Vejo e sei a verdade. Vejo e desperto dos delirios que me tomam quando te tenho na memoria."

1 compartilhamento
Inserida por carlinharios