Verônica Miyake: Quão triste é este fim de tarde,...

Quão triste é este fim de tarde, Pessoas cansadas, pelas calçadas, Perderam o sol, ganharam o dia... O pôr-do-sol não há quem retarde E nem voltam as horas pass... Frase de Verônica Miyake.

Quão triste é este fim de tarde,
Pessoas cansadas, pelas calçadas,
Perderam o sol, ganharam o dia...

O pôr-do-sol não há quem retarde
E nem voltam as horas passadas,
Trocadas por pão e moradia...

Nem o álcool e nem a nicotina

Mata mais gente do que a rotina.

1 compartilhamento
Inserida por VeronicaMiyake