Esther Martins: Os sentimentos morreram, compreendo-me...

Os sentimentos morreram, compreendo-me por morta-viva. Não sinto mais a presença das pessoas e o gosto não existe mais. Uma eterna dormência, levantar-me-ia mas... Frase de Esther Martins.

Os sentimentos morreram,
compreendo-me por morta-viva.
Não sinto mais a presença das pessoas
e o gosto não existe mais.
Uma eterna dormência,
levantar-me-ia mas força me falta;
mas alguns comprimidinhos fizeram o mundo suportável
e peso mais nenhum há sobre mim.
Uma entre várias tentativas de ser feliz;
e as lágrimas caem livres sobre meu rosto,
de felicidade ou de tristeza,
eu desconheço o motivo.
Não sinto mais nada;
a vida desistiu de mim
e eu dela.

3 compartilhamentos
Inserida por julietaja