Allan Caetano Zanetti: Declaração de amor Às vezes esqueço...

Declaração de amor

Às vezes esqueço que gosto de ti por um instante e então lembro que te amo. Passa pela minha cabeça a ideia de como as horas passam depressa na tua companhia e, sinceramente, não consigo entender. Da mesma forma como não compreendo como o teu jeito tímido e diferente pode ter me encantado tanto. Ah! E as minhas besteiras? Puxa vida, como você repetia as maluquices que eu dizia com entusiasmo e tirava sorrisos sinceros do meu rosto! Afinal, como eu poderia não sorrir? O teu abraço, para início de conversa, me deixou com a sensação de estar protegendo o mundo todo por um momento, tamanha foi a sensação de segurança. Provavelmente eu estava, na verdade, protegendo todo o meu mundo, que era você, envolvida em meus braços. Não temos o dom de saber o que ocorrerá no futuro, mas ficaria plenamente feliz se você pudesse imaginar o quanto que tem me feito bem e me cativado a cada dia mais apenas por existir. Eu penso em ti até quando prometo parar de pensar um pouco. Minha querida, eu te amo.

20 compartilhamentos
Inserida por PensadorRS