Carlinha Barros: E eu já fui criança, já chorei por...

E eu já fui criança, já chorei por não ter a atenção que eu queria, já relei os joelhos e cotovelos, fui pra casa chorando perguntando a minha mãe se tinha Merthiolate. Já acreditei em contos de fadas, já quis voar como as Winx, já quis parecer com a Barbie, já quis nadar como a Pequena Sereia, já quis ter calda, asas e também já sonhei em ser como A Branca de Neve, já sonhei em ter sete anóis ao meu lado, para me salvar, me proteger. Mas então eu cresci e aprende que Merthiolate não cura feridas no coração, então eu cresci e aprende que não só iria relar os cotovelos e os joelhos, mas como também iria machucar ter cortes profundos no coração em que o remédio seria, será o tempo. Aprende com o tempo que eu nunca seria igual a Barbie, que nunca teria asas como as Winx e teria calda como a Pequena Sereia. Aprende que não preciso de sete anóis para me proteger, bastaria um homem de verdade que me amasse e me desse o coração dele para tudo ser como um conto de fadas. É, também aprende que furacões existem, mas com o tempo a gente aprende a controlar não a controlar com as mãos, mas com a mente, com a calma.

1 compartilhamento
Inserida por CarlinhaBarros1