Rafael Chiobatto: Lobo. Rendo-te meu respeito! mau fadado...

Lobo.

Rendo-te meu respeito! mau fadado amigo...
Por tua audácia e bravura, aos fracos cabe: unir-sem, aos cordeiros.
Defendendo um interessante conceito de que fraqueza, temeridade e angústia são as virtudes do bom. Nada!!!!!

Em tua defesa, não
necessitas de mim...
Tua existência, tua co-existência com teus pares fala mais alto!
O respeito pela força: Sim!! tu ensinas... mas vai além, muito além
Quando provas em teu universo, que tens a consciência de que SOZINHO: enfraquece!
SOZINHO: estará, ainda que vivo - Jamais completo!
Sabes o valor de teus parentes, e a cada um demandas função única, de acordo com seu potencial, cada qual em sua trincheira
Fazendo o todo funcionar.
Cada um, em seu papel: simples, mas fundamental...
Aprendo contigo, a CAÇAR meus sonhos
Respeitando quem esta a meu lado;
Impondo-me a quem me tenta bloquear;
Sabendo que existirão momentos sim, em que a balburdia, a corrida e a sensação de derrota virá!
Entendendo que em algumas vezes a preza levará vantagem
Mas que meu conjunto se reorganizará.
Reagrupando-se para uma nova investida, mais maduro!
Ensina-me a entender que cada um é vital, até mesmo os mais fracos.
A respeitar as limitações, mas sempre incentivá-los a me desafiar!
A união de tua matilha me serve de norte, teu olhar me traz inspiração.
E tua vitória me ajuda a decidir de que lado estou...

1 compartilhamento
Inserida por chiobatto