Maryana Silva: “O que vi da vida” Vivi demais por...

“O que vi da vida”
Vivi demais por 17 anos, vi risos exacerbados e choros inconsoláveis. Minha vida tem sido composta de antíteses que várias vezes tem me confundido, entretanto nunca me desanimaram. Vi exemplos de força e coragem de camarote: meus pais; que são meus espelhos e onde deposito meu eterno carinho e minha confiança.
Passei por maus tempos, vivi sofrimentos dos mais diversos que forçaram lágrimas rolarem em minha face. Vi a morte bem de perto, em minúcia, vi o corpo de um ente querido ser empurrado numa maca de hospital em direção ao necrotério, nada muito natural pra uma garota de minha idade aos olhos que vêem de longe, entretanto esse fato foi só uma das muitas experiências a serem acrescentadas no meu currículo, na minha história de vida.
Não quero contar apenas provações, compartilhar alegrias vividas é meu desejo, conheci amigos que me fizeram muito feliz, foram por vezes meu porto seguro, minha fonte de risos, mas, que, com o tempo foram se dispersando... Alguns, por armadilhas da vida; outros, para buscarem sucesso e brilho mais longe. Não posso esquecer-me do ciclo eterno de amizade que tenho entre primos e irmãos, que são, bem ou mal, os que ficarão no futuro para me consolar em momentos de tristeza e rir dos mais bizarros acontecimentos, com estes, tenho vivido e aprendido muito.
Vi e vivi demais por 17 anos, fui platéia e atração desse grande palco que é a vida. Foram, e têm sido ricas experiências que, tenho certeza, perdurarão com o passar dos anos e servirão como resposta quando por vezes, me perguntarem:
“O que você viu da vida?”

1 compartilhamento
Inserida por MaryanaSilva