Ana Claudia F. Miranda: Recentemente sepultei um amor... Um amor...

Recentemente sepultei um amor...
Um amor maluco que nasceu na tela de um computador...
Amor que me fez viver uma ilusão, contruido em cima de mentiras...
Meus sentimentos verdadeiros dedicados a alguém que talvez sorria de mim
brincando com os meus sentimentos.
Minhas lágrimas foram as únicas testemunhas desse amor.
Doces palavras de mentiras iludiram o meu frágil coração, que me fazia sonhar e viver intensamente aquele amor.
Tanto sentimento pra nada, tantas palavras bonitas jogadas ao vento.
Renunciei a minha prioridade por esse amor.
Eram as minhas verdades, dentro de suas mentiras. Mas sobrevivi...
e nessa sobrevivência adquiri experiência.
Culpei minha carência por está anciosa demais por carinho, que acabou
se contentando com migalhas.
Culpei minha mente, por ela ter deixado o meu teimoso coração carente
domina-la.
Mas isso agora não imprta... Quem é culpado ou inocente,
não me interessa.
o que interessa, é que vou procurar sem medo, apartir de hoje, mesmo
correndo o risco do passado, mas sei que vou encontrar, alguém que possa me amar de verdade!

1 compartilhamento
Inserida por ana43anos