Coleção pessoal de SantosVasconcelos

21 - 40 do total de 22 pensamentos na coleção de SantosVasconcelos

Soneto sobre Oração

Venda-se o olhar do Santo
Sepulcro do Cristão
Indulgência que amargo é o pranto
Através de pecaminosa palavra de Oração

Transcende-se a voz do Cardeal
Perante a lei do céu Supremo
Filho bastardo de mero mortal
Que saliva Onírico veneno

Vedes o manto que Sagrado estampa
A boca do Bastardo que profana
O Pai Nosso de alguém

Vedes o Homem que absorve fé em pandemia
Receptáculo dos versos da Ave Maria
Amém

Santos Vasconcelos

Soneto sobre um sentimento profundo

Sou assim...
Uma lágrima que escorre
Um sorriso que alegra
Uma mão que protege
Uma palavra que machuca
Um olhar que se apaga

Sou como o vento que leva a respiração
E traz um sentimento bom
Sou como um abraço que produz saudade
E carrega o silêncio eternamente

Eu sou metade, metade de alguém
Que se encosta nos braços da dor
Pois a outra metade, pouco a pouco lhe entrego
Para que assim tu me faças a perfeição que não sou

Santos Vasconcelos