Coleção pessoal de SabrinaNiehues

81 - 100 do total de 2132 pensamentos na coleção de SabrinaNiehues

Quando foi que paramos de andar de canoa aos domingos de manhã?
Quando foi que paramos de andar de bicicleta aos fins de tarde?
Quando foi que paramos de esperar o Natal para ganhar presentes?
Quando foi que paramos de ser felizes?
Essas perguntas nunca têm respostas...

Você percebe que cresceu quando chora de repente, sem motivo algum. Quando já não chora mais pelo brinquedo quebrado, pelo soco levado... Agora você chora sem saber por quê. Você percebe que cresceu quando os aniversários chegam tão sem graça, e você percebe que só está envelhecendo, e as coisas continuam sempre as mesmas. Você percebe que já não é feliz, como quando criança.

Considero algumas pessoas muito importantes para mim, mas devo considerar que na maioria das vezes isso não é recíproco.

O que estou fazendo? Caindo em depressão, e mandando mensagens para idiotas que nem merecem minha atenção.

O preço do orgulho é a solidão. E, como já dizia Gessinger, o preço que se paga às vezes é alto demais.

Às vezes penso que esse amor vai passar, que irei conhecer outro. Mas na maioria do tempo eu sei que isso jamais irá acontecer, pois um amor como este jamais se esquece.

Sou o tipo de pessoa que diz à todo mundo, até para minha cachorra, para não ficarem tristes, mas no fundo quem fica triste sou eu.

Não me julguem por não saber aceitar as críticas que me fazem, vocês não têm esse direito, e nem tão bem aceitam críticas. Todos sabemos que elas não são muito bem vindas, apesar de servirem como lição.

Quando conto sobre minha história de amor, as pessoas me olham como se eu fosse louca. Não conseguem crer que este sentimento é intenso, sincero, e duradouro. Não acreditam que seja mesmo amor. E então me dou conta de que essas pessoas nunca saberão o que é o verdadeiro amor, pois nem acreditam que ele existe. Não sabem amar!

Eu o olhava como se o visse pela primeira vez. Escutava sua risada como se fosse música. Eu olhava tanto para ele... Poderia ficar olhando-o por toda a minha vida!

Já têm tanto tempo que não o vejo, que chego a pensar que essa saudade é um delírio. Deliro vendo suas fotos, de tanta dor e saudade que sinto. Tua ausência se faz presente a cada momento.

Aprendi a gostar das pessoas como elas são de verdade. Com todos os seus defeitos e qualidades. E os defeitos é que nos torna mais humanos!

O som dá tua risada ainda está em minha mente. Teu corpo nu ainda está frente aos meus olhos. Mas tua pele nunca tocou minhas mãos, teus lábios nunca estiveram nos meus... Já não sei mais o que é real. Minha mente vazia, minha alma sem alegria é que cria essa falsa felicidade que eu tanto desejo que um dia se torne realidade.

A felicidade é como um sopro de vento, que lhe bate na cara e de repente você sente.

Pelas minhas investidas que nunca foram retribuídas, pelas tentativas que foram em vão, pelas almas perdidas, pelas crianças que passam fome, pelas mulheres estupradas, pelos moradores de rua, pelos mortos injustamente, pelos negros e gays injustiçados, pelos sofredores de Hiroshima e Nagasaki, e por todos os tipos de sofredores e depressivos do mundo, eu deixo minha vida por aqui. Já vivi o suficiente para concluir que existem pessoas boas e ruins aqui. E que as pessoas ruins fazem as boas sofrerem. E que que elas também destroem o planeta e a natureza. E que a vida na terra nem é tão boa. E que um dia eu irei morrer. Decidi, por livre escolha, que não vale a pena viver para sofrer. Adeus, mundo cruel.

Mas vamos dormir, afinal à noite é que sou feliz, sonhando acordada, preenchida de ilusões.

A felicidade em pessoas inteligentes, é das coisas mais raras que conheço.

(Eu quero saber?)
Se esse sentimento é recíproco
(Triste ver você partir)
Meio que esperava que você ficasse
(Amor, nós dois sabemos)
Que as noites foram feitas especialmente para dizer coisas
Que não podem ser ditas no dia seguinte

Acalme-se e prepare seus lábios
Desculpe-me interromper
É que estou constantemente quase tentando
Beijá-la.

Estou me arrastando de volta para você
Pensou em ligar depois de beber algumas?
Porque eu sempre penso
Talvez eu esteja muito ocupado sendo seu
Para me apaixonar por outra pessoa.