Coleção pessoal de PauloAlbertoMoreira

Encontrados 12 pensamentos na coleção de PauloAlbertoMoreira

Eram quase quatro da manhã e eu simplesmente não consiguia me desligar e parar de pensar em você. Não sei se fiz bem, não sei se fiz mal em escrever o que sinto, mas escrevi.
Nao sei se misturo a saudade de tantos momentos bons que tivemos na cia um do outro, com a certeza de que estamos cada vez mais longe e que vejo você indo embora a cada dia a passos mais rapidos. E eu ca do meu lado tambem continuo caminhando, já conformado mas ainda tentando entender pq nossos destinos preferiram assim?!

As vezes paro, olho pra tras... com aquela esperanca juvenil de que voce também poderia estar ali parado, também olhando pra trás... E assim sigo em frente. Me conforta e acalma a idéia de aprendizado, eu tô aprendendo com tudo isso, que o amor narciso, que tantos buscam e exigem um do outro dentro das relações com a esperança de um FELIZES PARA SEMPRE, simplesmente não existe! Amor pra ser amor tem que ser gratuito, sem expectativas e nem permutas, hoje estou aprendendo a te amar e admirar de uma forma que provavelmente juntos eu jamais conseguiria. Não querendo me confundir, nem te confundir mas em momentos como agora, acariciando sua foto, lágrimas ainda são inevitáveis. Eu rezo por nós e peço pela nossa felicidade, misturando os nós da saudade com a esperança de conseguirmos nos libertar dos maus sentimentos que inconscientemente nos afastam e nos aprisionam no cativeiro mais escuros de nossas almas, ainda apegadas a sentimentos tão pequenos...

Estejamos libertos para nos amarmos agora pela melhor perspectiva a do amor humano, espírito e energia em sua forma mais sublime.

Saudades...

Paulo Moreira
1 compartilhamento
Tags: saudades lembranças

Tolo mesmo é o homem em sua auto suficiência, que se embebeda tanto de sua vaidade ao ponto de pensar ser insubstituível...

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento

Na minha opinião existem dois tipos de viajantes: os que viajam para fugir e os que viajam para buscar.

Érico Veríssimo
502 compartilhamentos

Um dia a lágrima disse ao sorriso: invejo-te porque vives sempre feliz. O sorriso respondeu: engana-te, pois muitas vezes sou apenas o disfarce da tua dor.

desconhecido
2.3 mil compartilhamentos

"O que seria das boas risadas, não fossem os bons amigos?
E o que seria das longas distâncias, não fossem os òtimos motivos de encurta-làs?
Dessa vez a despedida não trouxe contigo a nostalgia, mas sim alegria de poder levar na bagagem os momentos que passamos juntos".

(P.A)

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento

Perdoar não é sinônimo de fraqueza, pelo contrário, perdoe quando for preciso, porque você é forte o suficiente para saber que as pessoas cometem erros.

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento

Porque não há vitorias sem lutas, e nem haverá glórias sem guerras...
Mas se é pra fazer guerras, que sejam para o bem, que sejam para o amor...

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento

Enquanto a ira insistivamente em cóleras deseja escancarar a verdade. Vem a calmaria da razão e diz assim: Silenciar-se diante de assuntos já discutidos é se convencer, em alto e bom tom, de que certas coisas definitivamente não mudam...
(P.A)

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento

Que a proteção divina seja minha maior guia, ao caminhar por terras legitimamente desconhecidas...
O coração dos mortais.

(P.A)

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento

O ministério dos sentimentos alheios adverte!

O seu estresse, tem um alto poder de machucar quem não tem nada a ver com ele.
Atitudes explosivas é normal, todo ser humano tem.
Mas a virtuosidade de colocar-se no lugar do outro, com humildade e pedir desculpas é bem seletiva...

REMÉDIOS: Se retratar com quem o mau foi feito, lhe fará sentir-se bem em poucos segundos e ironicamente aliviará seu estresse...

Desculpa mô!!

Paulo Alberto Moreira
3 compartilhamentos

"Quando alguém tentar reduzir o teu sonho a grãos de areia, lembre-se que as mesmas são utilizadas para construir castelos..."

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento
Tags: sonhos castelos

"Mesmo que os ventos fortes me empurrem ao abismo da indecisão, mesmo que as ondas insistam em me tragar ao mar escuro do medo e mesmo enfrentando raios e trovões das tempestades inesperadas que a vida nos coloca como prova á cada dia.
Minha FÉ me acordará nas areias brancas da esperança, diante a um mar azul de coragem e a imensidão de uma vida inteira de glórias...
Deus me fez forte, não para quebrar pedras, mas para escalar os mais altos rochedos"...

Paulo Alberto Moreira
1 compartilhamento