Coleção pessoal de Pamarepe

41 - 60 do total de 146 pensamentos na coleção de Pamarepe

Quer creias ou não, tudo passa.
Passa a dor.
Passa a tristeza.
Passa a vontade de voltar no tempo.
Passa a vontade de agarrar quem não te merece. Quem, afinal, só te quis por empréstimo.
O tempo é um grandessíssimo ladrão, mas também é um grande aliado.
É com ele que podes contar, quando sentires que tu próprio és o teu melhor ouvinte.
Tem paciência.
Mas tem mesmo!...

Pamarepe
1 compartilhamento

Estou de regresso.
Com a alma lavada e o coração com mais espaço.
Podemos (re)começar por qualquer lado que, tanto faz.
Havemos de lá chegar.
Não me perguntes onde... mas havemos.
Por ora é cedo para perguntar.
Sente(-ME) só!...
Meu doce e terno amor.

Pamarepe
1 compartilhamento

Olhas para o passado com distância.
Ainda sentes algum carinho,
mas...
a indiferença ganha força.
Percebes então que o que sonhaste
nunca seria possível.

Pamarepe
1 compartilhamento

Qualquer pessoa que te motiva a seres melhor, é alguém que convém manteres por perto.
Pensa nisso!

Pamarepe
1 compartilhamento

Volto já!
Vou ali procurar(-ME),
para ver se (TE) encontro.
Espero achar(-TE) algures...
dentro, ou fora de mim.
Espero!...

Pamarepe
1 compartilhamento

Cuidado com as ausências do teu querido!
Ele pode ser um malandro, mas também pode ser um falso malandro; e, se assim for, minha cara! - Está tranquila!... Cão que ladra, não morde.

Pamarepe
1 compartilhamento

Sou uma sentimental, lamechas, otária, etc.
Ao fim ao cabo, somos todos uns otários quando o safado do cupido nos apanha ao virar da esquina.
Duvidas?
Se levares com uma seta, podes crer que ficas igual a mim!... Ou, quiçá, melhor ainda?!
E então?

Pamarepe
1 compartilhamento

Quando pouso os meus olhos nos teus,
sinto uma espécie de calafrio.
Um arrepio que me electrifica o corpo,
deixando-o num frenesim.

Não tem como disfarçar essa coisa
que me impele,
que me puxa,
que me empurra.

Desnorteia-me!...

Sei lá!...
Faz-me andar de um lado para o outro,
dentro de mim.

Pamarepe
1 compartilhamento

Esmerava-se para tocar a intangível beleza, tomando-a cegamente como um objectivo.
Só mais tarde percebeu que para se sentir bela, teria que virar-se do avesso.

Pamarepe
1 compartilhamento

Vou dormir.
Não gosto deste amar solitário.
Pode ser que TE sonhe,
e amanhã acorde com o chilreio dos passarinhos e... contigo ao meu lado.

Pamarepe
1 compartilhamento

Amar em Liberdade?
Ou, Liberdade para Amar?
Seja como for,
o que eu realmente desejo,
é ser feliz!

Pamarepe
1 compartilhamento

O teu silêncio vale mais que mil palavras.
És livre... e eu amo-te. E por tanto te amar, podes escolher o que queres para a tua vida, mesmo que isso implique eu não fazer parte dela.

Pamarepe
1 compartilhamento

É fácil despertar a minha atenção.
Porém, é difícil entrar na minha vida e ficar.
Agora, difícil mesmo é,
ficando, conseguir sair.

Pamarepe
1 compartilhamento

Meu amor, tenho que partir.
Se continuar aqui, neste beco sem saída, à tua espera,
muito em breve serei tolhida pelo frio,
pelo sentimento de vazio de ti,
e pelo vazio das horas do dia...
à medida que a noite chega de mansinho.

Pamarepe
1 compartilhamento

Escrevo um poema
e dedico-o a todas as mulheres que amam,
e sabem esperar;
e a todos os homens que querem,
mas não as sabem guardar;
porém, continuam a acreditar.

Pamarepe
1 compartilhamento

Gosto de TI,
em género de dor calada, lá no fundo.
Ah, se me beijasses!...
Se me beijasses,
saberias de tudo aquilo que tenho calado.

Pamarepe
1 compartilhamento

"Amoteperdidamente!...!"
Assim: sem vírgulas; sem espaços; sem ponto final e sempre com reticências...

Pamarepe
1 compartilhamento

Nunca saberemos
o que poderia ter sido.
daquilo que quase foi,
mas que, por não podermos,
não foi;
e por isso mesmo,
já era!

Pamarepe
1 compartilhamento

Há urgências que não têm espera possível;
como a minha por Ti.
Mas na "hora H", ah meu amor!...
É para desfrutar... lentamente.

Pamarepe
1 compartilhamento

Se o assunto és TU e EU,
não há lugar a meio-termo.
Não quero doações pela metade de NÓS.
Não sou tua "meio-amiga", "meio-namorada", tampouco, "meio-amor".
Ou bem que sou o teu tudo;
ou então, não sou nada.

Pamarepe
1 compartilhamento